redes
redes

Alimentos: Qualidade x Calorias

Texto: Rafaela Fusieger / Designer: Ana Carla Bortoloni

Fique atento às escolhas alimentares, pois a quantidade de calorias consumida importa, mas focar na qualidade dos alimentos ingeridos é igualmente fundamental.

11 Novembro 2016 -
Para quem busca informações sobre como manter as medidas corporais, emagrecer ou, simplesmente, fazer as melhores escolhas alimentares, a orientação dos pesquisadores do Departamento de Nutrição da Escola de Harvard de Saúde Pública (Department of Nutrition Harvard School of Public Health) é clara: “considere qualidade, não apenas calorias”. Em vez de escolher alimentos utilizando como critério apenas o valor calórico, é preciso fazer escolhas avaliando o que é saudável. 

Na prática, a recomendação quer dizer que, por exemplo, ingerir 2000 calorias diárias vindas de alimentos como cereais integrais, sucos naturais, carnes brancas, frutas e legumes, é muito mais eficaz e benéfico para o organismo do que ingerir apenas 1500 calorias tendo como fonte alimentos ultraprocessados, ricos em gordura saturada ou com excesso de açúcar refinado, como pizzas, refrigerantes, hambúrgueres, salsichas, bacon, lasanhas, sorvetes, etc. 

Dica: não é preciso eliminar do cardápio os famosos “alimentos tentadores”, a questão é lembrar de ingeri-los com moderação e não tornar o consumo parte da rotina. 

Fonte: Harvard School of Public Health / Ministério da Saúde


Conteúdo aprovado pelo coordenador técnico-científico do Portal Unimed.

Cadastre-se para receber o Boletim Viver Bem.

Arquivo

Veja todas as notícias de Alimentação.

Ver todas
Área restrita para colaboradores e cooperados:

Portal Nacional de Saúde - Unimed Brasil | Copyright 2001-2018 Portal Unimed. Todos os direitos reservados. Agência Nacional de Saúde Suplementar