redes
redes

Emagrecimento e as “dietas da moda”

Rafaela Fusieger

Saiba como identificar uma “dieta da moda” e entenda porque é mais eficaz e saudável colocar em prática mudanças que mantêm resultados em longo prazo.

01 Março 2017 -
Quem acompanha sites e revistas com foco em beleza e alimentação muito provavelmente já se deparou com a divulgação de dietas que prometem resultados “milagrosos” em um curto período de tempo. Conforme a Academia Americana de Médicos de Família (American Academy of Family Physicians), estas dietas geralmente não geram resultados em longo prazo e podem impactar negativamente na saúde. 

Se as “dietas da moda” não funcionam em longo prazo, por que são tão populares? 
Segundo o órgão americano, costuma ser tentador colocar em prática uma alternativa que promete trazer resultados satisfatórios rapidamente, em vez de ter que direcionar esforços contínuos na rotina física e alimentar. 

Resultados das “dietas da moda”
A Academia Americana de Médicos de Família explica que é provável que grande parte do peso perdido corresponda à água e massa magra, e não gordura corporal. Além disso, nem todos conseguem acompanhar uma dieta que limita estritamente as escolhas alimentares. Com o passar do tempo, as pessoas que colocam em prática as “dietas da moda”, mas não promovem a reeducação dos hábitos físicos e alimentares, geralmente acabam recuperando o peso que inicialmente perderam.

Métodos saudáveis para perder peso
  • Durante as refeições, mastigue os alimentos pausadamente. 
  • Nas refeições principais, procure compor o prato da seguinte maneira: saladas variadas, uma proteína (frango ou peixe) e um tipo de carboidrato integral (arroz, macarrão, etc.) 
  • Prefira gorduras poli-insaturadas e monoinsaturadas mais saudáveis, como azeite de oliva, peixes de água fria e oleaginosas (castanhas, nozes, amêndoas, avelãs, etc.).
  • Não pule as refeições, independentemente de estar em processo de emagrecimento ou não. Caso tenha exagerado na refeição anterior, ingira alimentos leves para manter o corpo abastecido (sopas, caldos, frutas, verduras e legumes). 
  • Pratique atividades físicas regularmente, pelo menos 150 minutos (2h30) semanais de atividades físicas de intensidade moderada ou 75 minutos de exercícios de alta intensidade.
  • Converse com o seu médico para desenvolver um plano de emagrecimento seguro e eficaz. 

 

Fonte: American Academy of Family Physicians


Conteúdo aprovado pelo coordenador técnico-científico do Portal Unimed.

Cadastre-se para receber o Boletim Viver Bem.

Arquivo

Veja todas as notícias de Alimentação.

Ver todas
Área restrita para colaboradores e cooperados:

Portal Nacional de Saúde - Unimed Brasil | Copyright 2001-2018 Portal Unimed. Todos os direitos reservados. Agência Nacional de Saúde Suplementar