Para aumentar ou diminuir a visualização do conteúdo, segure a tecla "ctrl" e pressione + ou - no seu teclado.

Segure CTRL, aperte + para aumentar ou - para diminuir o tamanho da letra

Se preferir, use as teclas de atalho (acesskeys) para facilita sua navegação:

  • No Internet Explorer segure "ALT" mais a tecla desejada;
  • Em outros navegadores, segure "ALT + SHIFT" e a tecla correspondente.

Área restrita:

Gordura visceral ou abdominal

Marcilene Silva Nogueira

05 Novembro 2012 -
As medidas usuais da circunferência da cintura e do quadril e o índice de massa corporal (IMC) podem ser indicadores do risco de desenvolver doença coronariana.
Mas um novo estudo aponta um outro indicador, bem menos conhecido: a gordura visceral ou abdominal. E é sobre este assunto que iremos abordar com o Dr. Artur Horta Passos, que é clínico geral e médico da família da Unimed Alfenas.

Informativo Unimed – O que é Gordura visceral abdominal?
Dr. Artur – Quando falamos em gordura corporal, logo imaginamos aquela dobrinha na cintura. Esta é conhecida como gordura subcutânea, bem diferente da gordura visceral, a qual iremos abordar. A gordura visceral ou abdominal, é aquela que se acumula no interior do abdome, da parte de cima do fígado para baixo. Ela cerca os órgãos e faz com eles fiquem revestidos por uma massa de gordura, flutuando sobre a mesma.

Informativo Unimed- Como é feito o procedimento para saber sobre gordura visceral ou abdominal?
Dr. Artur – Levamos em conta um conjunto de fatores que evidenciam que um paciente é portador de gordura visceral. Entre eles destacamos a história clínica(hábitos de vida, alimentação e sedentarismo), o exame físico(medida da cintura, relação cintura/quadril e patologias de base) e se necessário exames complementares como a tomografia computadorizada.

Informativo Unimed - Por que é considerada uma gordura perigosa?
Dr. Artur – Porque ela aumenta em potencial o risco de diabetes e doenças cardíacas. Além disso, ela pode se infiltrar aos poucos em alguns órgãos internos como o coração e fígado, podendo ainda afetar o cérebro. Também eleva as taxas de colesterol e triglicérides, aumentando ainda mais o risco de eventos cardiovasculares.

Informativo Unimed- Quais os perigos dessa gordura visceral ou abdominal?
Dr. Artur – A gordura visceral é um vilão silencioso. Existem algumas características desse tipo de gordura que a torna particularmente perigosa. Dentre elas destacamos a capacidade de afetar ambos os sexos e poder estar presente até em pessoas magras. É provável que uma pessoa que pareça ser saudável, mas que não pratica atividade física e coma mal regularmente, tenha mais gordura visceral que um obeso e não seja tão sadia quanto parece.

Informativo Unimed- Como a gordura visceral prejudica nosso organismo?
Dr. Artur – Como foi dito anteriormente, a gordura visceral pode ser mais um fator de risco para eventos cardiovasculares, além de ser um gatilho para várias patologias.

Informativo Unimed- Para ter uma noção do que significa esta gordura no corpo, veja estes dados:
• Ela triplica o risco de infartos ou derrames.
• Aumenta em cinco vezes a probabilidade de diabetes.
• Oferece 30% a mais de risco de câncer, em especial os de mama, útero e colón.
• Pode reduzir o colesterol bom, o HDL.
• Pode aumentar o taxa de triglicérides e o acúmulo de colesterol ruim, o LDL.
• Pode elevar a pressão arterial.
• Pode facilitar a apnéia do sono.
• Aumento de casos de câncer de intestino grosso, rins, endométrio e ovários.
Isso é real? Por que?

Dr. Artur - Sim. A gordura visceral pode ser considerada um órgão. Ela envia sinais e substâncias tóxicas ao restante do corpo. Assim, em excesso, ela desencadeia várias alterações em órgãos vitais, como fígado, cérebro e coração. Além disso,pode se depositar nos vasos sanguíneos aumentando o risco de infartos, derrames, demência e outros eventos cardiovasculares.

Fonte: Unimed Alfenas

Guia Médico

 
Acesse o Guia Médico Nacional Unimed no celular. Disponível nas lojas App Store e Google Play
Endereço: Rua Presidente Artur Bernardes, 189 - Alfenas - MG - CEP: 37.130-000 Brasil
Unimed Alfenas

Política de privacidade Termo de Uso Copyright 2001-2014 Todos os direitos reservados.