Unimed Cascavel realiza segunda maratona de inovação, Hackathon

        07 de agosto, 2019

A Unimed Cascavel realizou no último fim de semana a II Hackathon, foram 53 horas e 27 minutos de muito trabalho e inovação para a criação das 13 soluções destinadas à cooperativa.

O evento foi realizado na sede do Sebrae em Cascavel, parceiro do evento desde a primeira edição. Um dos objetivos da entidade é incentivar e desenvolver o empreendedorismo, quando as soluções apresentadas em uma Hackathon, por exemplo, se tornam negócios, o objetivo foi atingido.  “O resultado superou todas as expectativas em termos de participações de soluções apresentadas, o evento transcorreu da melhor forma possível”, explica o consultor de negócios do Sebrae, Osvaldo Cesar Broto.

Com foco na solução de problemas e na inovação, o criador do Robô Laura, apresentou para os participantes da Hackathon o projeto que já salvou mais de 9.500 vidas, e o objetivo é beneficiar o maior número de pessoas possível. “O robô cognitivo de uma maneira eficiente é capaz de identificar erros nos processos para notificar em tempo real o que e onde estão ocorrendo. Sabemos que a inteligência artificial pode empoderar as equipes para tomarem decisões assertivas e eficientes, com as informações completas em mãos e salvar vidas. A tecnologia permite uma análise antecipada de riscos tanto para clínica ou para qualquer circunstância que envolva o tratamento do paciente”, explica o fundador do Robô Laura, Jacson Fressatto.

Dirigentes da Federação da Unimed do Paraná participaram da palestra de abertura da maratona, que mostrou a solução desenvolvida para a área da saúde, o Robô Laura.

Para o diretor de Saúde e Intercâmbio da Unimed Paraná, Faustino Garcia Alferez, “o evento foi excelente, é interessante quando esses jovens trazem soluções que sejam aproveitadas, não apenas para a Unimed de Cascavel, mas para que todo o sistema paranaense seja beneficiado”.

“É fundamental este tipo de projeto, pois traz para dentro da nossa Unimed soluções inovadoras”, complementou o diretor de Inovação e Desenvolvimento da Unimed Paraná, William Procópio dos Santos.

Foi um fim de semana de baixas temperaturas, mas nem o frio desanimou os 81 participantes que buscaram ideias criativas e inovadoras para os 13 desafios apresentados pelos técnicos da Unimed Cascavel. Foram 53 horas e 27 minutos de muita dedicação, concentração, muito café - 216 litros - para aquecer e manter a galera da Hackathon focada no objetivo final e solucionar o desafio escolhido.

A solução Univend, campeã da II Hackathon, desenvolveu um projeto para a equipe do comercial que vai auxiliar o time de vendas na execução do seu trabalho. Para o estudante de Ciência da Computação, Matheus Carvati Camara, as equipes estavam bem preparadas e com grandes profissionais. “Nós também estávamos preparados, mas o nosso problema era difícil. Escolhemos um que não era nenhum pouco fácil, mas ouvimos muito os técnicos, demoramos a entender, mas depois que entendemos foi um caminho fácil e conseguimos criar uma solução”, explica Matheus.

A 2ª edição da Hackathon superou as expectativas dos organizadores, Unimed e Sebrae, mesmo com o frio a galera não perdeu a energia e fez grandes entregas. “Crescemos em número de participantes, equipes, estrutura e visitantes. Isso demonstra o quanto é importante desenvolver ações de inovação para região, sendo que estamos consolidando o nome da Unimed e do Sebrae como instituições que buscam através da inovação melhorar seus processos e consequentemente o ecossistema de inovação da região como um todo”, como explica o coordenador do Núcleo de Projetos da Unimed Cascavel, Everton Antonio Garboça.

“E como disse o revolucionário Steve Jobs: “Inovação é o que diferencia um líder de um seguidor”. As 13 equipes que trabalharam e buscaram o seu melhor durante as 53 horas e 27 minutos da Hackathon mostraram a sua excelência, tiveram ideias maravilhosas e que, com certeza, a cooperativa poderá aproveitar. Estamos muito satisfeitos com a realização desta segunda edição, este é um projeto onde todo mundo ganha, precisamos acompanhar os processos de inovação e de tecnologias”, finaliza o diretor-presidente da Unimed Cascavel, Danilo Galletto.

• Premiação

1º lugar – R$ 6.000,00 • Equipe Ops Hackathon Trivial com a solução Univend, que fará a gestão de vendas (SDR);

2º lugar – R$ 3.000,00 • Equipe Unidev que propôs a solução de Negociação com a Rede Prestadora;

3º lugar – R$ 1.000,00 • Equipe Unicred, com a solução que realiza o faturamento e fechamento dos planos coletivos, pessoa jurídica.

No total foram entregues R$ 10.000,00 em prêmios para as três melhores ideias que serão avaliadas pela cooperativa, para possíveis parcerias em novos projetos, conforme já houve na primeira edição da Hackathon.

Inovação. Esse é o plano.


Assuntos em destaque: