Notícias 

Veja abaixo as principais notícias e atualizações da Unimed Paranaguá.
https://www.unimed.coop.br/site/o/sites-theme/images/cards-noticias/noticias-padrao.png

Dia Mundial de Conscientização sobre a Doença Celíaca

A data foi escolhida para honrar o dia de nascimento do Dr. Samuel Gee, primeiro pesquisador a reconhecer que os sintomas da doença celíaca estavam relacionados à dieta.
Texto: Medicina Preventiva — Unimed Paranaguá
        16 de maio, 2022

Doença celíaca é uma doença autoimune causada pela intolerância ao glúten, uma proteína encontrada no trigo, aveia, cevada, centeio, e seus derivados. Isso acontece porque o corpo não produz, ou produz pouca enzima capaz de degradar o glúten, o que provoca uma reação do sistema imune capaz de levar a lesões no intestino.


Sintomas

Os sintomas, em geral, aparecem entre os seis meses e dois anos e meio de vida. No entanto, isso não é regra. Portadores da doença podem manifestar os sintomas na fase adulta:

• Vômito;

• Emagrecimento;

• Baixa absorção de nutrientes;

• Osteoporose;

• Anemia;

• Falta de apetite;

• Diarreia frequente ou prisão de ventre crônica;

• Irritabilidade ou apatia;

• Coceira e vermelhidão na pele, nos casos em que são utilizados produtos que contém glúten.


Diagnóstico da doença celíaca

O diagnóstico da doença celíaca é feito pelo gastroenterologista por meio da avaliação dos sintomas apresentados pela pessoa, biópsia do intestino, por meio de endoscopia, exames de sangue e/ou dieta restritiva sem glúten também podem ser requeridos pelo médico.

Tratamento

A doença celíaca não tem cura, devendo o tratamento ser feito durante toda a vida. O tratamento para a doença celíaca é feito único e exclusivamente com a suspensão do uso de produtos que contêm glúten e com uma dieta livre de alimentos com glúten, que deve ser indicada por um nutricionista especialista.


É obrigatório por lei federal (Lei nº 10.674, de 16/05/2.003) que todos os alimentos industrializados informem em seus rótulos a presença ou não de glúten, para resguardar o direito à saúde dos portadores de doença celíaca.

Fonte: Celiac Disease Foundation. Ministério da Saúde. Doença celíaca: você pode ter e não saber. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br.


Receita especial da Nutricionista Aylana

Minibolos são excelentes para levar na lancheira.

Veja esta receita ... é simples e rende 10 unidades.

Minibolo de cenoura sem glúten

Ingredientes:

• 4 cenouras médias sem casca

• 4 ovos

• 1 xícara de farinha de arroz

• 1 xícara de mel

• 1 colher chá de fermento em pó,

• 1 pires de chocolate meio amargo picado.

Modo de preparo:

No liquidificador bata a cenoura, os ovos e o mel. Acrescente a farinha de arroz e, por último, o fermento. Em forminhas antiaderentes, coloque a massa e salpique o chocolate picado. Leve ao forno pré-aquecido por 20 minutos em temperatura média.

Assuntos em destaque