Notícias 

Veja abaixo as principais notícias e atualizações da Unimed Paranaguá.
https://www.unimed.coop.br/site/o/sites-theme/images/cards-noticias/noticias-padrao.png

Reflexões sobre a vacina COVID19

O Enfermeiro do Trabalho, Fernando Melo de Souza, traz um breve parecer sobre o futuro pós-covid.
Texto: Fernando Melo de Souza
        04 de março, 2021

Antes de começarmos a falar sobre a vacina do COVID19 é fundamental relembrar o papel fundamental das vacinas que historicamente se caracterizaram como um método eficaz de prevenção de doenças, redução de internações por formas graves das doenças e redução de mortalidade. Foi sempre com este objetivo que as vacinas foram produzidas e aplicadas, com taxas de sucesso que levaram erradicação de doenças como foi o caso da varíola entre outras que também foram erradicadas como poliomielite, sarampo e rubéola e que infelizmente nos últimos anos tem voltado a ocorrer em consequência da redução da cobertura vacinal no mundo.

Em relação a vacina do COVID19 diferente do que muita gente acredita ela não foi produzida em menos de 1 ano e mas sim foi fruto de estudos que já ocorriam para outras cepas do vírus da COVID e que agora com o surgimento do COVID19 ocorreu um esforço internacional de colaboração mútua para a produção de uma vacina entre os diversos níveis da ciência mundial. As vacinas em geral apresentaram uma eficácia em média de 50% ou mais, com capacidade de redução de formas graves da doença em torno de 78% e chegando a redução em 100% os casos de internação, durante as análises da capacidade de proteção a vacina para o COVID19 mostrou resultado efetivo. 

Israel já vacina sua população desde dezembro de 2020 tendo ultrapassado mais de 2 milhões de vacinas realizadas, num plano nacional de vacinação que pretende até o próximo verão do hemisfério norte ou seja em julho alcançar 100% da população um total de 16 milhões de pessoas, por hora a vacinação que eles estão organizando já cobriu mais de 70% da população acima de 70 anos e 80% da população com idade superior a 80 anos. Outros países no mundo seguem em curso seus planos de vacinação e que mostram já resultados na redução de casos graves da doença.

Vacina para o COVID19 é uma esperança que em pouco tempo somada as demais medidas de prevenção como uso de máscara, higienização da mãos e distanciamento social a vida possa voltar a  normalidade e assim o mundo possa superar mais este desafio

Assuntos em destaque