Responsive Image
Responsive Image
Responsive Image

Guia Médico

Aqui você encontra a rede nacional credenciada de Hospitais, Clínicas, Laboratórios e Centro de Diagnósticos,
além da relação de cerca de mil Médicos cooperados do sistema Unimed.
Responsive Image
Responsive Image
Responsive Image
Responsive Image
Responsive Image
Responsive Image

Nós estamos prontos para atendê-lo e oferecer a melhor e mais completa rede credenciada da região.

Fale com a gente pelo telefone  (11) 4713-5222 ou

Responsive Image

Últimas Notícias

Voltar Doação de sangue: um ato de amor ao próximo

Doação de sangue: um ato de amor ao próximo

        14 de junho, 2022

A doação de sangue é um gesto solidário de doar uma pequena quantidade do próprio sangue para salvar a vida de pessoas que necessitam.

O sangue é um composto de células que tem como funções levar oxigênio e nutrientes para o corpo, defender o organismo contra infecções e participar da coagulação. Uma pessoa adulta, tem em média, cinco litros e em uma doação, são coletados no máximo 450 ml. Valor muito significativo que pode ajudar a salvar até quatro vidas. Além disso, o corpo repõe o volume doado nas primeiras 72 horas.

O sangue leva vida a cada parte do corpo e pode ser doado para salvar outras vidas. Clique aqui

Condições básicas para doar sangue:

Antes do processo é necessário passar por uma entrevista que tem como objetivo oferecer maior segurança para você e aos pacientes que receberão o sangue. Há critérios que permitem ou impedem este ato solidário. Eles são determinados por normas técnicas do Ministério da Saúde. Confira:

  • Sentir-se bem e com saúde;
  • Ter entre 18 e 65 anos de idade;
  • Ter peso acima de 50 kg;
  • Estar alimentado e evitar alimentos gordurosos nas 3 horas que antecedem a doação;
  • Caso seja após o almoço, aguardar 2 horas;
  • Ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas;
  • O intervalo mínimo entre uma doação de sangue e outra é de dois meses para os homens e de três meses para as mulheres;
  • Apresentar documento com foto válido em todo território nacional.

Critérios para o impedimento da doação de sangue:

Temporários:

  • Gripe, resfriado e febre: aguardar 7 dias após o desaparecimento dos sintomas;
  • Período gestacional;
  • Período pós-gravidez: 90 dias para parto normal e 180 dias para cesariana;
  • Amamentação: até 12 meses após o parto;
  • Ingestão de bebida alcoólica nas 12 horas que antecedem a doação;
  • Tatuagem e/ou piercing nos últimos 12 meses (piercing em cavidade oral ou região genital impedem a doação);
  • Extração dentária: 72 horas;
  • Apendicite, hérnia, amigdalectomia, varizes: 3 meses;
  • Colecistectomia, histerectomia, nefrectomia, redução de fraturas, politraumatismos sem sequelas graves, tireoidectomia, colectomia: 6 meses;
  • Transfusão de sangue: 1 ano;
  • Vacinação: o tempo de impedimento varia de acordo com o tipo de vacina;
  • Exames/procedimentos com utilização de endoscópio nos últimos 6 meses;
  • Ter sido exposto a situações de risco acrescido para infecções sexualmente transmissíveis (aguardar 12 meses após a exposição).

Definitivos:

  • Ter passado por um quadro de hepatite após os 11 anos de idade;
  • Evidência clínica ou laboratorial das doenças transmissíveis pelo sangue: Hepatite B e C, AIDS (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I e II e Doenças de Chagas;
  • Uso de droga ilícitas injetáveis;
  • Ter contraído malária.

Mitos e verdades sobre a doação de sangue:

Mulheres podem doar sangue durante o período menstrual?
Verdade. A mulher pode doar sangue menstruada. É necessário, no entanto, estar com a taxa de hemoglobina no valor mínimo de Hb 12,5g/dL.

Quem está fazendo regime para emagrecer pode doar sangue?
Verdade. Desde que a perda de sangue não tenha comprometido a saúde do doador.

Quem teve Covid-19 pode doar sangue?
Verdade. Dez dias após a completa recuperação da doença é possível realizar a doação.

Doar sangue engrossa ou afina o sangue?
Mito. Não engrossa e não afina o sangue.

Doar sangue engorda ou emagrece?
Mito. Não engorda e não emagrece.

Quem doa sangue uma vez é obrigado a doar sempre?
Mito. Doar sangue não cria dependência no organismo da pessoa e é um ato voluntário.

Há risco de contaminações durante a doação de sangue?
Mito. Não há nenhum risco de contaminação durante a doação. Todos os materiais utilizados são descartáveis e de uso único.

Só pode doar se souber o tipo sanguíneo?
Mito. Na doação, junto com a bolsa de sangue, são coletadas amostras para exames, testes sorológicos e tipagem sanguínea.

Como doar sangue?

Para doar sangue, basta procurar as unidades de coleta de sangue, como os Hemocentros, para checar se você atende aos requisitos necessários.

Doe sangue regularmente. Tem sempre alguém precisando deste ato de amor ao próximo.

Sistema Unimed

Cuidar de você e de sua família.

Esse é o plano

Conheça a grandiosidade do Sistema Unimed, além de seus principais dados estratégicos e os reconhecimentos nacionais à marca.