Canais de Atendimento

A Unimed conta com diversas opções para facilitar a comunicação entre você e a Cooperativa. Confira nossos canais e entre em contato com a gente.

Guia Médico

Encontre um médico e outros recursos da Unimed
sempre perto de você


A Telemedicina da Unimed é um plantão que conta com atendimento clínico. O atendimento é por ordem de chegada. Clique na imagem acima para mais informações.

Conheça o jeito mais fácil de marcar consultas: baixe o app Quero Consulta, faça o seu cadastro, solicite a sua data disponível e aguarde a confirmação.

Saiba mais sobre o Programa Acolher que oferece orientação especializada, acolhimento e suporte qualificado sobre atraso no desenvolvimento infantil e tratamentos baseados em evidências científicas. Se dedica as famílias de beneficiários com hipótese ou diagnóstico de Transtorno do Espectro Autista.
Responsive Image
Responsive Image
Responsive Image
Responsive Image
Responsive Image

Voltar Um presente para Porto Alegre

https://www.unimed.coop.br/site/o/sites-theme/images/cards-noticias/noticias-padrao.png

Um presente para Porto Alegre

Sistema Unimed-RS patrocina restauro da maior obra do escultor Xico Stockinger
Texto: Ursula Schilling
Design: Lucas Paiva de Oliveira
        17 de setembro, 2022



No dia 13 de setembro, foi entregue oficialmente o restauro da obra “Homens e touros”, maior escultura, em dimensões, do artista Xico Stockinger. Assinado pela arquiteta Verônica Di Benedetti – responsável também pela revitalização da estátua do Laçador – o trabalho de restauração teve o patrocínio do Sistema Unimed-RS, por meio das Unimeds Federação/RS e Central-RS e do Instituto Unimed/RS, via LIC – Lei de Incentivo à Cultura, e custou R$ 257 mil.

A entrega, que ocorreu na Praça Dom Sebastião, às margens da Avenida Independência, em Porto Alegre, foi marcada pelo descerramento de placa comemorativa e contou com as presenças da secretária estadual da Cultura, Beatriz Araújo, do secretário municipal da cultura, Gunter Axt, do diretor do Instituto Unimed/RS, Alcides Mandelli Stumpf, do médico e escritor Gilberto Schwartsmann e da filha de Xico, Jussara Stockinger.

“Queremos agradecer demais essa oportunidade, pois nos sentimos engrandecidos de poder fazer parte desse marco na história de Porto Alegre”, comemorou Alcides Stumpf, falando também em nome dos presidentes da Federação/RS e da Central, Nilson Luiz May e Jorge Guilherme Robinson.

Para Gunter Axt, não fosse a LIC, inciativas como essa não seriam possíveis: “Na cidade, sentimos os impactos desses investimentos”. “Eu sabia que a Unimed seria sensível a esse projeto”, confidenciou o secretário.

“Meu reconhecimento à Unimed, que vem sendo uma grande parceira da Secretaria nas iniciativas de cultura”, declarou Beatriz Araújo, que está nos seus últimos meses à frente da pasta. E arrematou: “Percebemos que a secretaria do Estado cumpriu seu papel, pois, somente em POA, pela lei (LIC), temos 166 projetos, totalizando 35 milhões de reais.”.




Declarando-se emocionada ao ver a placa descerrada e afirmando que o pai, austríaco de nascimento, adora o RS, Jussara reafirmou a importância da valorização do patrimônio histórico e cultural do município. “Que continuemos a preservar outros monumentos”, exclamou.  
O ato foi precedido por aula aberta com Di Benedetti, que falou sobre os detalhes técnicos envolvidos na restauração dos painéis de aço carbono recortado. Entre as etapas do trabalho estiveram diagnóstico do estado geral das peças, limpeza para remover sujidades com potencial de deterioração, recolocação de pinos de fixação e aplicação de fundo de tratamento com tintas industriais e produtos antipichação. “Essa foi uma alegria muito grande”, explicou a restauradora, ao destacar que, em situações como essa, “o objetivo é não interferir na autoria da obra”.  


Sobre “Homens e touros”

Encomendada pela prefeitura de Porto Alegre com intuito de dar sentido à estrutura de concreto do respiradouro do Túnel da Conceição, na Praça Dom Sebastião, a obra conta com quatro placas de aço, com perfis de figuras humanas e animais vazados. Os painéis foram inaugurados em setembro de 1972 e, de lá para cá, já passaram por outros restauros. No último, em 2015, a prefeitura da Capital recuperou a praça e limpou as esculturas.
Mais recentemente, a obra passou a apresentar problemas de conservação, principalmente no que diz respeito à forte oxidação devido à remoção da pintura protetiva na intervenção anterior. Ao mesmo tempo, tanto a caixa de concreto quanto as placas metálicas estavam com grande quantidade de pichações. Alguns pinos de fixação da chapa de aço na caixa de concreto também se encontravam corroídos.

Saiba Mais

Responsive Image
Responsive Image
Responsive Image
Responsive Image
Responsive Image
Responsive Image