Voltar

A importância de se vacinar contra gripe

A importância de se vacinar contra gripe

A importância de se vacinar contra gripe

2 Maio 2019

Diferente de um resfriado, a gripe é uma doença séria. Todos devem, anualmente, tomar vacina contra a influenza para evitar contrair o vírus. Porém, como não há imunizantes disponíveis para toda a população, o governo define alguns públicos que são mais suscetíveis à doença.

Veja se você faz parte desse grupo:

- Crianças menores de cinco anos;

- Grávidas;

- Puérperas;

- Maiores de 60;

- Profissionais da saúde;

- Professores da rede pública e particular;

- População indígena;

- Portadores de doenças crônicas, como diabetes, asma e artrite reumatoíde;

- Indivíduos imunossuprimidos, como pacientes com câncer que fazem quimioterapia e radioterapia;

- Portadores de trissomias, como as síndromes de Down e de Klinefelter;

- Pessoas privadas de liberdade.

A gripe pode ter consequências sérias e levar até mesmo à morte. Por isso, quanto mais frágil o indivíduo, maior a importância de se vacinar. É normal ouvir pessoas dizendo que ao tomar a vacina há risco de contrair a gripe, mas isso não é verdade. A vacina da gripe é feita com vírus mortos e fracionados, por isso, é impossível uma pessoa tomar a vacina e ter gripe por causa dela.

Se você faz parte do grupo prioritário, procure um posto de saúde do SUS mais próximo de sua casa e tome a vacina. Àqueles que desejarem, podem realizar a imunização em clínicas particulares de vacinação.