Voltar

Unimed Cascavel forma 1º grupo e já começa 2ª turma de 2020 do projeto Cegonha

Unimed Cascavel forma 1º grupo e já começa 2ª turma de 2020 do projeto Cegonha

Unimed Cascavel forma 1º grupo e já começa 2ª turma de 2020 do projeto Cegonha

18 Março 2020

A Unimed Cascavel concluiu em 3 de março os sete módulos da primeira turma de 2020 do projeto Cegonha. Ao todo, 42 gestantes formaram o grupo, composto por mamães de primeira viagem e também por mulheres que já tinham outros filhos, mas que confiam na cooperativa de saúde para aprender ainda mais e receber os novos bebês. É o caso da Débora Machado de Oliveira. “Por mais que eu não seja uma mamãe de primeira viagem, o aprendizado nunca para, mesmo em relação à maternidade. Cada criança é uma criança, pois isso, todas as informações que a gente receber são muito importantes”, contou a mamãe.

O projeto

O Cegonha traz informações que ajudam as mulheres a terem uma gestação mais saudável e tranquila. Ao longo dos encontros, realizados durante sete semanas, sempre às segundas-feiras, na sede da Unimed Cascavel, a equipe multiprofissional aborda os seguintes temas:

• Gestação e amamentação
• Alimentação na gestação e no puerpério
• Sua gestação e seu corpo
• As vias de parto
• Efeitos psicológicos e emocionais da gestação
• Cuidados com o recém-nascido e os primeiros socorros
• A rede de apoio no período gestacional e nos pós-parto

Rede de Apoio

“A Rede de Apoio existe não só para apoiar, mas também para acolher. A nossa equipe está pronta para receber a mamãe assim que ela passa pelo parto e vive esta nova fase, tão importante da vida. Esse encontro mostra para as mulheres como funciona esse serviço e quais questões abordamos, a exemplo da saúde mental e da nova rotina da nova mamãe. Nesse período, a saúde emocional e a qualidade do sono da mulher, por exemplo, vão interferir até mesmo na produção de leite materno, ou seja, também tem consequências para a saúde do bebê. E o papai também é acolhido na nossa Rede, pois ele também precisa de apoio diante de mudanças tão grandes que acontecem a partir da chegada de um filho”, explica a psicóloga Ariella Sousa, da Unimed Cascavel.

Turma 2

A segunda turma de 2020 já começou os aprendizados no dia 10 de março, trazendo histórias de mulheres ansiosas e emocionadas pela chegada dos bebês. Aline Fogaça Fernandes vive a primeira gestação. A futura mamãe da Antonela conheceu o projeto por meio de amigas e das redes sociais. “Achei muito bacana, até pela grande quantidade de temas abordados. Eu, enquanto mamãe de primeira viagem, tenho muito interesse em aprender, principalmente, sobre os primeiros socorros.”

Também grávida pela primeira vez, Natália Spacini Mazzaro Deltrejo não vê a hora de conhecer o rostinho do Benício. “Fiquei sabendo por meio da minha cunhada. Liguei e o pessoal me atendeu de forma muito atenciosa. Amamentação, banho, enfim... tudo o que for falado eu quero aprender.”

As futuras mamães costumam vir ao projeto acompanhadas pelos maridos ou mesmo pelas futuras vovós. Dona Conceição Aparecida Mioto veio ao lado da filha, grávida dos gêmeos Helena e Davi. “A minha geração aprendia coisas repassadas pela mãe ou pela avó. Hoje em dia é tudo muito novo. Para mim, será uma experiência muito válida, porque vou aprender formas mais modernas de lidar com os bebês, diferentemente da maneira que criei os meus filhos.”

Quero participar

Para participar do projeto Cegonha é preciso ser beneficiária Unimed e estar a partir de 12ª semana de gestação. Interessou? Clique AQUI e preencha o formulário eletrônico ou ligue para (45) 3099-4123 para saber mais detalhes.

Cuidar de você. Esse é o plano.