Voltar

Cumbuca: projeto de leitura aprimora competências de colaboradores

Cumbuca: projeto de leitura aprimora competências de colaboradores

Realizada quinzenalmente, atividade desafia participantes a treinar senso crítico e habilidades

Cumbuca: projeto de leitura aprimora competências de colaboradores

Realizada quinzenalmente, atividade desafia participantes a treinar senso crítico e habilidades

2 Dezembro 2020

 

Colaboradores da Unimed Catanduva se redescobrem diariamente por meio do incentivo à leitura. Há dois anos, o projeto ‘Cumbuca’, idealizado pelo departamento do Relacionamento com o Cliente, trabalha as competências dos colaboradores e os encoraja cada vez mais a aprimorar seus conhecimentos. 

De acordo com a gerente de relacionamento Rosângela Gisse Pinto, a ferramenta é fundamental no ambiente coorporativo. “Quando falamos com o cliente, pessoalmente, ou quando redigimos correspondências no trabalho, falamos em nome da empresa, representamos a empresa, e é muito importante que saibamos falar e escrever corretamente, que tenhamos um vocabulário rico. A leitura nos auxilia nisso. Agregado a esse valor, contamos com a evolução da competência de cada colaborador”. 

Participam do projeto desde o início as equipes de Relacionamento com o Cliente e Recepção da Unimed, num total de 18 colaboradores. Os participantes estão no sétimo livro. Esporadicamente, outros setores também solicitam o treinamento, como os departamentos Financeiro, Cadastro, Comercial e Relações Empresariais.

A assistente de relacionamento Mary Ellen de Oliveira de Lima cita algumas inspirações literárias lidas no projeto. “O Cumbuca me incentiva a ter uma rotina melhor de leitura. Me ajudou a interagir mais com minhas colegas de trabalho. O conteúdo de alguns livros, como ‘Produtividade para quem quer tempo’, me ajudam ainda a lidar com alguns obstáculos, como a procrastinação, obstinação e clareza nos meus projetos. ‘O cavaleiro da armadura de ferro’ me ajudou a dar valor ao que de fato importa. Então, vejo que o Cumbuca abriu minha mente a novas ideias e possibilidades”. 

Já para a recepcionista Suelen Siqueira, a leitura é uma nova descoberta. “O projeto vem me estimulando a ler mais, algo que não tinha hábito em fazer. Hoje entendo que a leitura me ajuda na comunicação e na parceria com todos meus colegas no trabalho”, disse. 

Para Igor Farias, assistente de pós-vendas do Departamento de Relações Empresariais, o hábito da leitura também contribui com o relacionamento entre as pessoas. “O projeto me ajudou bastante na interação com as pessoas, algo necessário quando falamos com os clientes. Foi uma motivação para realizar a leitura, trazendo conhecimento em novas palavras e melhorando também o vocabulário”.  

O analista de Recursos Humanos Edson Mancini, que auxilia nos treinamentos do projeto, explica como funciona a escolha do tema do livro.  “Buscamos livros que auxiliem os colaboradores no crescimento pessoal e profissional. As escolhas são feitas em conjunto com o gestor solicitante.”


COMO FUNCIONA? 

Os encontros são quinzenais, no último horário da jornada de trabalho. Um capítulo do livro é distribuído a cada 15 dias para que todos os colaboradores façam a leitura em casa. Inicialmente, no dia da reunião, os nomes dos participantes eram colocados em uma cumbuca – daí o nome do projeto – para sorteio de quem iria apresentar sua compreensão sobre a leitura do capítulo e, após apresentação do sorteado, todos debatiam sobre o conteúdo abordado. 

Atualmente, a dinâmica de cada encontro foi alterada para um jogo lúdico, com perguntas e desafios baseados no conteúdo lido por capítulo. “Cada participante é representado por uma peça em um tabuleiro, seguindo as regras do jogo. Conforme os acertos, avançam as etapas e, ao final do encontro, é revelado o ganhador com a maior pontuação no ranking de leitura”, explicou Mancini.


Fonte: Patrícia Santos / Unimed Catanduva