Voltar

Hospital da Unimed Catanduva leva magia do Natal a pacientes

Hospital da Unimed Catanduva leva magia do Natal a pacientes

Surpreendidas, mães receberam seus bebês “embrulhados” em adereços natalinos

Hospital da Unimed Catanduva leva magia do Natal a pacientes

Surpreendidas, mães receberam seus bebês “embrulhados” em adereços natalinos

28 Dezembro 2020

 

Em comemoração ao Natal, celebrado no dia 25, o Comitê de Humanização do Hospital Unimed São Domingos (HUSD), da Unimed Catanduva, surpreendeu algumas mamães que passaram pela maternidade. Depois do parto, elas receberam os recém-nascidos em seus quartos, vestidos com gorro e uma roupa em formato de “bota”, feita em cetim, com as cores do Natal. O momento proporcionou alegria e emocionou as pessoas presentes. 

A pequena Monique nasceu às 17 horas do dia de Natal, esbanjando saúde. O casal Jairo e Neliana Passilongo, moradores de Bebedouro, conheceu a filha por volta das 20 horas, ao recebê-la toda vestida de vermelho. “Foi uma emoção indescritível. Só quem é pai e mãe para saber a intensidade da emoção”, relembrou Jairo. A equipe de Enfermagem registrou em vídeo o momento em que Neliana recebeu seu presente. “Você é meu pacotinho de Natal, filha”, disse, encantada, ao ver Monique. 

O casal não havia programado a data e foi pego de surpresa durante consulta de rotina em Catanduva, ocasião em que recebeu a notícia de que o parto, previsto para ser normal, teria que ser feito de forma imediata, por cesárea. Felizmente, tudo correu bem. “Já sabíamos que o parto seria no Hospital São Domingos, conhecíamos a unidade e gostamos do atendimento. Quero agradecer todo apoio que a Unimed nos deu, foi fundamental”, disse Jairo. 

Ainda na semana de Natal, no dia 24, nasceu a pequena Alice, filha do casal Michele e Carlos Soriano, de Novo Horizonte. “Foi incrível, realmente uma surpresa emocionante. Tivemos a certeza da atenção, carinho, dedicação e amor oferecidos a nós, principalmente pelas enfermeiras que tivemos o prazer de ter ao nosso lado. Serei eternamente grata, pois tornaram a minha experiência ainda mais especial”, disse Michele. 

Miguel Bertassoni, que nasceu no dia 21, filho de Denise Bertassoni e Clayton Yoshinori Suzuki (in memoriam) foi o primeiro a participar da ação. “Este foi o melhor presente de todos. Um presente de Deus”, disse Denise, emocionada ao ver o filho, acompanhada da mãe, Maria Marlene Moreschi. 

Na mesma data, também muito felizes com a chegada do primeiro filho Gabriel, o casal de dermatologistas Gabriel e Mariana Fachini vibraram com a surpresa recebida. “É nosso primeiro filho. Estamos numa emoção muito grande”, disse Mariana, que foi surpreendida com o filho vestido à caráter no momento da alta para casa. “Você está de Papai Noel, filho?”, brincou.

O pai também agradeceu aos profissionais envolvidos. “Agradeço a todos do hospital pela receptividade que tivemos. Vocês têm uma estrutura fenomenal. Fomos muito bem recebidos desde o primeiro atendimento. Quero deixar um agradecimento especial às doutoras Marina e Therezinha Ribas, pelo cuidado que tiveram com minha esposa e o Gabrielzinho”, disse Fachini. 


 

PEDIATRIA 

No dia 23, os membros do Comitê de Humanização estenderam a magia natalina à Pediatria do hospital, com a entrega de brindes e apresentação do ‘Conto de Natal’ aos pequenos internados. A avó Maria Aparecida dos Santos Campari, que acompanhava o pequeno Miguel, agradeceu o carinho recebido. “Foi uma linda ação. Ele estava desanimado e ficou alegre com a chegada de vocês. Que Deus abençoe a todos nesta fase difícil que estamos vivendo”, disse.   

Para a empresária Daini Pamphilo Garcia, mãe do Pedro, a iniciativa deixou o dia mais leve. “Num momento tão difícil como esse, e mesmo evitando vir ao hospital, tivemos que trazer o Pedro para uma cirurgia de emergência. A iniciativa de vocês nos traz alegria, carinho e acalenta o coração. Parece simples, mas, para quem está do outro lado, é como um abraço”, relatou.  


Patrícia Santos / Unimed Catanduva