Tire o lixo da água antes que ele tire a água de você

Tire o lixo da água antes que ele tire a água de você

O primeiro semestre do ano é marcado pelas chuvas. E em 2011 a natureza caprichou. Essa cena não tem sido tão rara: enxurradas nas principais vias das cidades, ondas causadas pelo tráfego insistente dos ônibus, sacos e mais sacos sendo levados pela "maré". É quando a água abaixa, vai bueiro abaixo tudo o que estava sobre ela. Não dá para controlar a intensidade da chuva, mas precisamos tratar com responsabilidade o lixo que colocamos nas ruas.

Por que se preocupar?

Os sacos de lixo acumulados nas bocas de bueiros dificulta o escoamento da água. Com a água acumulada, o trânsito fica lento, o comércio fica comprometido e o tráfego de pedestres se torna perigoso, já que fica impossível saber onde se está pisando nas ruas cobertas pelas águas turvas. Isso sem falar das doenças causadas pela urina de animais que entra em contato com a pele e o risco da força das águas levar quem tenta passar por elas.

O que não fica nas ruas é lançado aos peixes e animais que (sobre) vivem às margens dos rios e nos mares. Pequenos objetos e pedaços de materiais que não se dissolvam com a água são engolidos por esses animais, que podem morrer engasgados ou por doenças ocasionadas pela ingestão desses objetos. Isso sem falar nos detritos que contaminam a água, intoxicando e matando sua fauna.

O que pode ser feito?

Não jogue nenhum lixo na rua. Nem mesmo papéis de bala;

Amarre bem a boca dos sacos de lixo antes de colocá-lo nas ruas. Se possível, instale suportes de lixo em frente à sua casa, para que ele fique longe de cachorros e para que não seja levado pela chuva;

Reduza a produção de lixo. Recicle mais e, sempre que puder,  compre produtos sem embalagem (a granel);

Respeite o espaço natural que você esta visitando. Não deixe lixo na praia e perto de cachoeiras;

Quando a natureza chamar, use o banheiro, não o riacho ou mar para se aliviar;

A água é o nosso bem natural mais precioso. Sem ela não existe a menor chance de vida. Cuide hoje para que não falte amanhã.

 

 


Unimed Costa Oeste

Fonte: Planeta Unimed