Voltar

Cuidados ao usar salto alto

Cuidados ao usar salto alto

Conheça as complicações que o uso prolongado do calçado com salto alto pode causar, além de recomendações que ajudam a prevenir lesões

Cuidados ao usar salto alto

23 Agosto 2017
Os calçados com salto alto (acima de cinco centímetros) costumam integrar o vestuário diário de muitas mulheres. Porém, conforme recomendações do Ministério da Saúde, o calçado feminino ideal para usar diariamente deve ter a altura máxima de três centímetros, para evitar a sobrecarga no joelho, problemas nas articulações e na postura e, em longo prazo, o desenvolvimento da metatarsalgia, condição caracterizada pela dor na parte frontal dos pés.  
 
O Ministério da Saúde explica que o fato do calcanhar estar em uma posição não habitual, pode fazer com que a mulher que use esse tipo de calçado acabe sofrendo diminuição da flexibilidade na parte posterior das pernas. “Esse encurtamento é tanto muscular quanto tendíneo. As consequências são dores constantes ao andar descalço ou usar sapatos sem salto”. 
 
Dica: além de repensar a necessidade de utilizar salto alto diariamente, sempre que usar é importante colocar em prática alguns exercícios que podem contribuir para prevenir lesões nos pés e pernas. Veja abaixo as recomendações: 
 

Alongamento 1

 

  • Alongue antes ou depois de usar o sapato com salto alto. Estique bem as duas pernas por 20 segundos

 

Alongamento 2

 
• Fique na ponta dos pés, fazendo o movimento de subir e descer. 
• Execute 3 séries de 20 repetições.
 

Alongamento 3

 
• Sente no chão, dobre os joelhos, apoie a planta dos pés no solo, deixe as mãos apoiadas no chão. 
• Eleve um dos pés e faça desenhos no ar com a ponta dos dedos. 
• Repita o procedimento com o outro pé. 
 

Massagem com bolinha de borracha

 
• Escolha um dos pés e role a bola por 5 minutos no chão, fazendo movimentos para frente e para trás. 
• Repita o procedimento com o outro pé.
 

Massagem com as mãos

 
• Utilize creme hidratante e massageie delicadamente os pés, tornozelos e panturrilhas.  

Texto: Rafaela Fusieger / Design: Ana Carla Bortoloni e Carolina Moura

Fonte: Fonte: Ministério da Saúde

Conteúdo aprovado pelo responsável técnico-científico do Portal Unimed.


Média (21 Votos)
Avaliar:

COMPARTILHAR:


Cadastre-se para receber novidades e notícias

Seu e-mail foi cadastrado com sucesso.

 

Uma publicação compartilhada por Unimed (@unimedbr) em