Voltar

A força e alegria de viver de dona Otília aos 108 anos

A força e alegria de viver de dona Otília aos 108 anos

Para marcar os 48 anos da Unimed contamos a história da paciente mais velha do programa Unimed Lar, a primeira mulher a tirar carteira de motorista em Florianópolis

A força e alegria de viver de dona Otília aos 108 anos

Para marcar os 48 anos da Unimed contamos a história da paciente mais velha do programa Unimed Lar, a primeira mulher a tirar carteira de motorista em Florianópolis

29 Agosto 2019

 
Histórias sempre nos inspiram, ainda mais quando conseguem tocar nosso coração e de alguma maneira nos transformar. Nesta sexta-feira, dia 30, a Unimed Grande Florianópolis comemora 48 anos e para marcar esta data trazemos a história da dona Otília Garofallis Fialho, que é a paciente mais velha do programa Unimed Lar.
Dona de uma personalidade forte e com uma trajetória de vida inspiradora, Otília tem 108 anos e mesmo com dificuldade de locomoção devido à idade, continua lúcida e ainda senhora das suas vontades. Ela é paciente da Unimed Lar, desde o início do programa e uma vez por mês recebe a visita de uma médica e de uma enfermeira em casa para uma consulta de rotina, além do acompanhamento de uma nutricionista. “A consulta nos permite acompanhar o estado de saúde da paciente. A dona Otília tem diabetes e hipertensão que estão controladas pelos medicamentos”, conta a filha, Tânia Schaeffer.
Ela também relata que a mãe gosta muito das visitas da médica, Maria do Rosário Ribeiro Santos e da enfermeira, Liege Machado. “Elas trazem tranquilidade à minha mãe e para nós da família muita segurança, qualquer dúvida ou problema nos socorrem”. Dona Otília tem uma história interessante, ela foi a primeira mulher a tirar a carteira de motorista em Florianópolis, no ano de 1926. E também ficou conhecida na ilha por dirigir um fusca vermelho 68, até seus 90 anos.  

Unimed Lar 

Assistência Domiciliar formada por uma equipe multidisciplinar que leva atendimento médico e de enfermagem personalizado. O benefício é oferecido ao cliente que apresenta patologia com indicação para o tratamento hospitalar, mas que pode ser atendida no domicílio, desde que atenda alguns critérios. 

 

Tânia, filha de dona Otília mostra reportagens à mãe e à médica da Unimed Lar