ANS divulga regras para recomposição do reajuste 2020/2021

A Diretoria Colegiada (Dicol) da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) definiu que os beneficiários de planos de saúde que tiveram suspensas as cobranças de reajuste anual e por faixa etária entre setembro e dezembro deste ano, em razão da pandemia do novo Coronavírus, terão diluído o pagamento desses valores em 12 meses, a partir de janeiro de 2021.

ANS divulga regras para recomposição do reajuste 2020/2021

A Diretoria Colegiada (Dicol) da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) definiu que os beneficiários de planos de saúde que tiveram suspensas as cobranças de reajuste anual e por faixa etária entre setembro e dezembro deste ano, em razão da pandemia do novo Coronavírus, terão diluído o pagamento desses valores em 12 meses, a partir de janeiro de 2021.

29 Dezembro 2020

O percentual máximo de reajuste dos planos individuais ou familiares contratados a partir de janeiro de 1999 ou adaptados à Lei nº 9.656/98 ficou estabelecido em 8,14%. O índice é válido para o período de maio de 2020 a abril de 2021, com a cobrança sendo iniciada a partir de janeiro de 2021, juntamente com a recomposição dos reajustes suspensos.
A recomposição dos reajustes poderá acumular os valores relativos ao reajuste por variações de custos e por variação por faixa etária. Há casos em que poderá coincidir a cobrança de percentual relativo à recomposição destas variações.

 

Confira abaixo os exemplos de como poderá ser aplicado o reajuste com a recomposição dos valores retroativos nas simulações de cobranças a partir de janeiro de 2021:


Exemplo 1: Reajuste de plano de saúde individual/familiar regulamentado com aniversário em maio de 2020 (8 meses de suspensão) e sem previsão de reajuste por faixa etária no ano.

Valor da mensalidade: R$ 100,00

Reajuste anual autorizado: 8,14%

Exemplo 2: Reajuste de plano de saúde individual/familiar regulamentado com aniversário em maio de 2020 (8 meses de suspensão) e mudança de faixa etária em setembro de 2020 (4 meses de suspensão).

Valor da mensalidade: R$ 100,00

Reajuste anual autorizado: 8,14%

Reajuste faixa etária considerado: 20%


Observação!
Se no seu boleto não há indicação de parcelas referentes à recomposição dos valores, é porque o seu contrato não foi impactado pela suspensão de reajustes entre setembro e dezembro de 2020.  


Os contratos de Planos não regulamentados (aqueles contratados antes de 31/12/1998 e não adaptados à Lei 9.656/98 dos planos de saúde) não tiveram a suspensão da aplicação dos reajustes no período o de setembro a dezembro de 2020. No entanto, seguirão com os reajustes conforme previsto em contrato com índice de IGPM.


Informações sobre o reajuste anual


A Agência Nacional de Saúde Suplementar divulgou o percentual máximo de reajuste que poderá ser aplicado nas mensalidades dos planos de saúde individuais/familiares com aniversário no período de maio/2020 a abril/2021. O índice foi estabelecido em 8,14% (oito vírgula quatorze por cento). A decisão foi publicada no Diário Oficial da União em 20/11/2020. A Unimed Guarapuava obteve autorização para aplicação do reajuste por meio do ofício GEAR n.º 427/2020/GEFAP/GGREP/DIPRO/ANS, enviado pela ANS. 

 

Se precisar fazer contato com a Unimed Guarapuava, utilize nossos canais de atendimento:

  • SAC 0800 041 4554
  • Telefone (42) 3621-7500
  • Aplicativo - Unimed Cliente PR.

 

Confira a notícia completa da ANS clicando aqui.

Clique abaixo para acessar peguntas e respostas da ANS: