IDSS - Índice de Desempenho da Saúde Suplementar

 

Data da publicação: 08/04/2021

 

O Programa de Qualificação de Operadoras (PQO), iniciativa da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), é um instrumento que permite a avaliação anual do desempenho de operadoras de planos de saúde - por meio de um conjunto de indicadores - com o objetivo de aferir o desempenho global das empresas que atuam no mercado.

Os resultados do Programa de Qualificação das Operadoras são traduzidos pelo Índice de Desempenho da Saúde Suplementar (IDSS), calculado a partir de indicadores definidos pela ANS, com base nos dados extraídos dos sistemas de informações gerenciais da Agência ou coletados nos sistemas nacionais de informação em saúde.

O Índice de Desempenho da Saúde Suplementar (IDSS) permite a comparação entre operadoras, estimulando a disseminação de informações de forma transparente, a redução da assimetria de informação e a ampliação da concorrência no setor.

Desde 2015, diversas iniciativas foram tomadas visando a tornar o Programa mais atual e mais conectado às outras iniciativas de estímulo à qualidade, que vêm sendo desenvolvidas no âmbito da Agência. A reavaliação do PQO resultou na publicação da Resolução Normativa (RN) nº 386, de 9 de outubro de 2015, reformulando o escopo do Programa e alterando as suas 4 (quatro) dimensões de avaliação:

 

  • Qualidade em Atenção à Saúde
  • Garantia de Acesso
  • Sustentabilidade no Mercado
  • Gestão de Processo e Regulação


O uso do Padrão de Troca de Informações na Saúde Suplementar (TISS) como fonte de dados para o processamento dos indicadores do IDSS, a partir do ano-base 2017, a ANS introduziu também indicadores que avaliaram aspectos estratégicos da regulação, como a avaliação do reajuste aplicado aos planos coletivos e a comercialização de planos individuais. Dessas forma, a metogia do Programa IDSS - TISS gera resultados que não são totalmente comparáveis com a metodologia anterior.

 

Os resultados obtidos pela Unimed Guarapuava (geral e por dimensão) podem ser conferidos abaixo:

 

IDSS da operadora 2020 (Ano-base 2019)

 

 

1 - IDQS - QUALIDADE EM ATENÇÃO À SAÚDE

Avaliação do conjunto de ações em saúde que contribuem para o atendimento das necessidades de saúde dos beneficiários, com ênfase nas ações de promoção, prevenção e assistência à saúde prestada.

 

 

 

2- IDGA - GARANTIA DE ACESSO

Condições relacionadas à rede assistencial que possibilitam a garantia de acesso, abrangendo a oferta de rede de prestadores.

 

 

 

3 - IDSM - SUSTENTABILIDADE NO MERCADO

Monitoramento da sustentabilidade da operadora, considerando seu equilíbrio econômico-financeiro, passando pela satisfação do beneficiário e compromissos com prestadores.

 

 

 

4 - IDGR - GESTÃO DE PROCESSOS E REGULAÇÃO

Entre outros indicadores, essa dimensão afere o cumprimento das obrigações técnicas e cadastrais das operadoras junto à ANS.

 

 

Gráfico de evolução do IDSS - TISS

A ANS iniciou, a partir do IDSS ano-base 2017, uma nova etapa do Programa de Qualificação, que usa o Sistema de Informação do Padrão TISS (Troca de Informações na Saúde Suplementar) como fonte de dados para o processamento dos indicadores. A metodologia foi totalmente modificada, com os indicadores calculados sobre uma base de dados nova, gerando resultados que não são totalmente comparáveis com os anos anteriores.

 

 

 

 

Acesse o resultado no site da ANS clicando aqui.

 

Para ter acesso ao resultado do IDSS obtido no período de 2018-2019 clique aqui.

Para ter acesso ao resultado do IDSS obtido no período de 2017-2018 clique aqui.

Para mais informações clique aqui.