Voltar

Unimed Inconfidentes realiza campanha do “Janeiro Branco”

Unimed Inconfidentes realiza campanha do “Janeiro Branco”

Unimed Inconfidentes realiza campanha do “Janeiro Branco”

30 Janeiro 2020

 

“Cuidar de você de janeiro a janeiro”, essa foi a ação que a Unimed Inconfidentes realizou, nos dias 21, 22 e 27 de janeiro, nas cidades de Mariana, Itabirito e Ouro Preto, para abordar a Campanha “Janeiro Branco”. A cooperativa levou para as ruas da região dos Inconfidentes um alerta sobre a importância de cuidar da saúde mental e promover o afeto, distribuindo abraços a população.

A campanha do “Janeiro Branco” foi idealizada há sete anos pelo psicólogo Leonardo Abrahão. Tem como principal objetivo discutir a saúde mental, refletir sobre a qualidade de vida, despertar a conscientização nas pessoas sobre a importância de cuidar da saúde.

Distribuir abraços a desconhecidos, quem faria? Uma ação simples, porém, que invade o espaço do outro. Uma invasão que para alguns pode assustar e para outros deve ser feita todos os dias como menciona a recepcionista Dayane de Souza da cidade de Mariana, “é muito importante espalhar abraços, nem que seja por um minuto todos os dias. Nem sempre a gente sabe o que passa na vida das pessoas, um abraço tem o poder de mudar uma vida”, concluiu.

A invasão de abraços pelas cidades surpreendeu os moradores. Dani Luz moradora de Mariana, mencionou que as pessoas não estão compreendendo o valor do abraço. No dia a dia corrido das cidades, mesmo do interior, é raro ver as pessoas distribuírem abraços. Dani falou que ela mesmo pensou duas vezes se parava ou não, e relatou que falta mais gentileza nas pessoas. Oferecer abraços, na rua, foi algo que a surpreendeu. A moradora de Itabirito Isabela Cristina Machado, comentou que o mundo precisa de mais abraços, “um abraço muda tudo.”

A estudante Gabriele Silveira, moradora de Mariana, agradeceu a iniciativa da Unimed Inconfidentes, pois essa ação de cuidar da saúde mental, é um verdadeiro alerta. Ela ainda disse, que é importante conectar-se consigo para cuidar da mente e da vida. O morador de Ouro Preto Carlos Henrique Mota da Silva, gostou da iniciativa da cooperativa, “há pessoas que moram sozinhas não tem família para conversar ou abraçar. Essa ação surgindo na rua foi surpreendente”.

A Organização Mundial de Saúde define a saúde mental não só como a ausência de doença, mas como uma situação de bem-estar físico, mental e social. Cuidar da saúde é essencial seja em qualquer fase da vida.  Proponha-se a mudar um hábito, dar mais tempo para você, conectar com quem você ama. Cuidar de você de janeiro a janeiro.


Domingos Gonzaga


Média (0 Votos)
Avaliar: