Voltar

O Sino da Vida tocou

O Sino da Vida tocou

Depois de muita luta e perseverança, a felicidade bateu na porta do pequeno Anthony Daniel

O Sino da Vida tocou

Depois de muita luta e perseverança, a felicidade bateu na porta do pequeno Anthony Daniel

15 Março 2021

William Makaisy
Estagiário de Comunicação


Maceió - Diante de tantas adversidades, o Sino da Vida finalmente soou para o pequeno Anthony Daniel. Há um ano, contamos a história do Anthony, - na época com seus 2 anos de idade- e sua batalha contra o câncer, que finalmente chegou ao fim, trazendo para ele, e para todos aqueles que acompanharam sua história, uma sensação de aconchego e de esperança em meio a tantos momentos difíceis vividos. 

Para a mãe do pequeno, Paula Santos, o Jeito de Cuidar Unimed foi fundamental na recuperação de seu filho. A mãe, que passava dias acompanhando seu filho nas sessões e nos internamentos, contou que os gestos de carinho, amor e empatia de toda a equipe Unimed, junto a enorme vontade de viver de Anthony, seu pequeno grande guerreiro, hoje são os responsáveis pela alegria que move suas vidas. 

“Eu brinco que nem tenho mais lágrimas para chorar, porque foram tantos momentos difíceis nessa recuperação. De quando descobrimos que ele passaria por esse tratamento, em 2019, até hoje, tão pouco tempo passou, mas tanta coisa mudou. Viemos de Arapiraca para conseguir essa vitória para meu filho, que hoje está finalmente livre dessa doença que é tão cruel”, disse a mãe de Anthony, emocionada. 

Com tantos momentos passados no Hospital Unimed, Anthony cativou também os funcionários e profissionais que puderam ver de perto sua batalha pela sobrevivência, como é o caso da supervisora do setor de Oncologia, Taciana Aguiar, que enxerga em sua vitória, uma luz em um momento de tantas dificuldades. “Ver uma cura, para a gente da Oncologia, é um sinal de esperança, de que tudo pode acontecer. Não há nem como expressar em palavras, diante do momento vivido.”

Anthony, no auge dos seus quatro anos de idade, ainda não sabe, mas serviu como inspiração para pacientes que enxergaram novamente, através dele, uma chance de vencer suas batalhas. E para os profissionais da Unimed Maceió, que aprenderam com ele que as dificuldades são grandes, mas a esperança é necessária para continuar vivendo por dias melhores.