Voltar

Sustentabilidade e Meio Ambiente

Sustentabilidade e Meio Ambiente

Cooperar com o meio ambiente muda o hábito da nossa cidade.

Sustentabilidade e Meio Ambiente

Cooperar com o meio ambiente muda o hábito da nossa cidade.

30 Setembro 2021

Nosso meio ambiente, nossa casa. Cuidar dele não é apenas uma questão que levanta a bandeira da sustentabilidade, mas sim, nosso dever.

Felizmente, esse tema tem ganhado uma notoriedade maior dentro de empresas privadas e na esfera pública, por meio de ações que envolvem o desenvolvimento sustentável, seja ele econômico, social ou ambiental. E Marília tem recebido diferentes ações voltadas para a preservação do meio ambiente e conscientização da população para assuntos nesta área.

Com objetivo de equilibrar a saúde ambiental, social e econômica, a Unimed Marília firmou uma parceria importante para desenvolver 2 ecopontos, para coleta de lixos recicláveis. Junto à Secretaria do Meio Ambiente e de Limpeza Pública, ambos ecopontos foram instalados, nos dias 28 e 29 de Setembro, em pontos estratégicos da cidade, com grande fluxo de carros e pedestres.

O primeiro ecoponto foi instalado no início da Avenida Cascata, próximo ao playground e da academia ao ar livre e o segundo, na Avenida das Esmeraldas, próximo ao colégio Criativo. Autoridades de Marília estavam presentes e ressaltaram a importância de projetos como estes para a cidade.

“Como cooperativa, está na nossa essência cuidar da nossa comunidade, através de projetos que promovam uma mudança positiva e que deixem um legado para as futuras gerações. Esperamos que estes ecopontos criem uma nova consciência na população, sobre o cuidado com o meio ambiente. E no que depender de nós, a cidade de Marília poderá sempre contar com a Unimed”, disse o Diretor Presidente da cooperativa, Dr. Ruy Okaji, enquanto realizava o ato simbólico de descarte de lixo.

A Unimed Marília acredita que o ato de cuidar e preservar o meio ambiente não é algo isolado. É necessário considerar os outros aspectos para um desenvolvimento sustentável eficaz. Portanto, a cooperativa procura sempre promover ações que beneficiem também o crescimento da comunidade onde está inserida.

Para o vice-presidente da Unimed Marília, Dr. Wilson R. Ottoboni, este é um projeto que está dentro do que a cooperativa se propõe a fazer, que é o cuidar de vidas. Isto abrange o cuidado com a saúde, evitando contaminação dos mananciais por lixo descartado incorretamente, o cuidado com a comunidade, oferecendo oportunidade e um meio de renda às família que vivem da reciclagem e um cuidado com as nossas crianças, futuro do nosso planeta. “As crianças passam por aqui e isso desperta a curiosidade e as incentiva a fazer o descarte correto. Mesmo os adultos que não têm o hábito, serão incentivados e o ideal é que levem este hábito para dentro de casa. Isto é um grande passo para construirmos um futuro melhor e a Unimed Marília está sempre aberta a qualquer parceria em prol do meio ambiente e da comunidade”, conclui.

Segundo o ativista ambiental e quem a cooperativa escolheu para confeccionar os ecopontos e recolher os materiais descartados, Ademar Aparecido de Jesus, esta é uma ação que transforma vidas. “Todos os dias encontro famílias que vivem da reciclagem. Aqui em Marília são em torno de 50 delas. Fico extremamente feliz da Unimed Marília ter me escolhido para participar deste projeto e espero que futuramente outras famílias possam ser beneficiadas também”, explica.

“No ano em que completamos 30 anos, esse é um grande presente, uma grande oportunidade para nossa cooperativa e para a nossa cidade. Esta ação promove a  sustentabilidade em toda cadeia produtiva. Obrigada a todos que fizeram com que a Unimed Marília pudesse participar desse projeto que crescerá e certamente, trará mudanças e transformações na sociedade”, pontua o coordenador do departamento de Marketing da Unimed Marília e um dos idealizadores do projeto, Dr. Luiz Sérgio Marangão.

Para finalizar, o chefe do Meio Ambiente, Cassiano Rodrigues Leite, reforçou que este é um trabalho conjunto, de unir forças. “Não existe eu, existe nós! Nós precisamos melhorar o meio ambiente, nós precisamos levar essa realidade aos bairros periféricos também, fazer a inclusão destas pessoas. Então, muito obrigado à Unimed Marília por esse gigantesco passo dado aqui hoje”, completou.