Voltar

Instituto Unimed Maringá doa sucata eletrônica para reciclagem

28 Dezembro 2017

Instituto Unimed Maringá doa quase 230 Kg de sucata eletrônica para reciclagem 
Cooperativa Coopercanção recebeu os materiais, fará separação e encaminhará para indústrias de transformação; apenas lâmpadas fluorescentes, pilhas e cartuchos não são coletados 

A Unimed Maringá, por meio do Instituto Unimed, doou, na última sexta-feira (22), quase 230 Kg de sucata eletrônica para a Cooperativa Coopercanção, responsável por dar a destinação correta aos materiais deste tipo na cidade de Maringá. 

Entre os componentes doados estavam monitores, CPU’s, servidores, cabos, mouses e teclados danificados que foram separados pela área de Inovação e Tecnologia (IT) da cooperativa médica para descarte. Todo este montante será separado e encaminhado para indústrias de transformação. 

Para o fiscal e cooperado da Coopercanção, Milton Félix da Cruz, a doação da Unimed é um exemplo. “Todas as empresas deveriam fazer isso que a Unimed está fazendo porque ajuda a preservar o meio ambiente e também ajuda a nós, pois vivemos dessas doações.”

De acordo com Dina Dolis, gestora do Instituto Unimed Maringá, a doação vai muito além da preocupação com a destinação correta do lixo eletrônico. “Doando o e-lixo diretamente para a Coopercanção, também colaboramos com a preservação do solo, da água e ainda promovemos o equilíbrio da balança de responsabilidade socioambiental."

Serviço:
Os interessados em realizar a destinação correta de sucatas eletrônicas podem entrar em contato com a Coopercanção, pelo telefone (44) 3255-1171. Podem ser doados computadores, televisores, aparelhos de vídeo e som, celulares, entre outros eletroeletrônicos. Apenas lâmpadas fluorescentes, pilhas e cartuchos não são coletados e devem ser entregues diretamente para o fornecedor.


Média (0 Votos)

COMPARTILHAR: