Voltar

Responsabilidade com o meio ambiente é compromisso da Unimed Missões/RS

Responsabilidade com o meio ambiente é compromisso da Unimed Missões/RS

Responsabilidade com o meio ambiente é compromisso da Unimed Missões/RS

22 Outubro 2019

A Unimed Missões/RS tem um compromisso com o meio ambiente e seu desenvolvimento. A cooperativa realiza projetos e ações com seus colaboradores, clientes e com a comunidade regional, visando a proteção, preservação e a progressão do meio ambiente.

Para isso, é intenso e contínuo o trabalho de gerenciamento de resíduos gerados na cooperativa, atendendo as leis e normas específicas. Os resíduos contaminantes são criteriosamente destinados a tratamentos ambientalmente corretos e eficazes, destacando-se o trabalho de reciclagem da cooperativa, que visa minimizar o percentual de impacto negativo dos resíduos com a geração indireta de novas matérias primas.

Projeto de reciclagem

Todo mês, cerca de uma tonelada e meia de resíduos puramente reaproveitáveis de todos os tipos são reciclados na Unimed Missões/RS. É desenvolvido o projeto de descarte de papeis usados dos dois lados ou que não podem mais ser utilizados como rascunho, o Picotar. Duas picotadoras estão localizadas na cooperativa, sendo cada setor responsável pelo picote dos papeis e sua armazenagem nos sacos. Após esse processo, o material é doado para a Associação de Reciclagem e Educação Ambiental Ecos do Verde, responsável pela reciclagem. Conforme o Analista Ambiental da cooperativa, Altamir Lauri Coimbra da Silva, de setembro de 2018 a setembro de 2019 foram reciclados um total de 19.099 kg de resíduos.

Coleta de resíduos

Outra ação da cooperativa é disponibilizar a coleta de pilhas, baterias, medicamentos vencidos e lâmpadas de uso doméstico. A comunidade pode fazer o descarte nas recepções do Hospital e Sede da Cooperativa, e nos escritórios regionais de São Borja e São Luiz Gonzaga. No último ano, a cooperativa recebeu um total de 5.131 litros de baterias, pilhas, medicamentos vencidos e chapas de Raio-X; além de 6.032 litros de lâmpadas. O material é encaminhado para a empresa Ecolog Serviços Ambientais, de Santa Cruz do Sul, que realiza a triagem e a destinação correta dos resíduos. Altamir destaca que descarte é válido apenas para materiais de uso doméstico (pessoa física), mas lembra que essa é uma responsabilidade de todos. “Fabricantes, empresas, lojistas, entidades e consumidores têm a incumbência de garantir o ciclo de vida dos produtos, baseada na lei que exige que a retornalidade dos produtos usados siga uma cadeia adequada de destinação final de seu ciclo de vida útil”.


Marília Munareto

Fonte: Assessoria de Comunicação


Média (0 Votos)

COMPARTILHAR: