Voltar

Unimed Poços compartilha práticas com a Rede Sentinela

Unimed Poços compartilha práticas com a Rede Sentinela

Pelo segundo ano consecutivo, Hospital da Unimed foi convidado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para compartilhar suas experiências de sucesso relacionados à prática assistencial e segurança do paciente

Unimed Poços compartilha práticas com a Rede Sentinela

Pelo segundo ano consecutivo, Hospital da Unimed foi convidado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para compartilhar suas experiências de sucesso relacionados à prática assistencial e segurança do paciente

14 Junho 2019

O Hospital da Unimed Poços tem se destacado no monitoramento anual, realizado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), dos hospitais que integram a Rede Sentinela. No ano passado, o Hospital obteve 37,61 dos 38 pontos disponíveis, um resultado só conquistado graças aos investimentos em pessoas e  nas melhores práticas visando a segurança do paciente. No ano passado, o desempenho da Unimed Poços chamou a atenção da Anvisa, que convidou os profissionais do Hospital a compartilhar suas práticas com as equipes das 253 instituições que integram a Rede Sentinela. Este ano, o convite repetiu-se e, no dia 4 de junho, foram iniciadas as apresentações, sendo a primeiro sobre Protocolo de AVC, no dia 4 de junho, e, a segunda, Protocolo de Antimicrobianos, no dia 11. Ainda serão realizadas mais três apresentações: Protocolo de Cirurgia Segura (18/06), Protocolo de Reação Adversa Medicamentosa (25/06) e  Implantação de um Programa de Desenvolvimento de Liderança (2/07).

“Sermos considerados benchmarking em prática assistencial e Segurança do Paciente pela Anvisa é motivo de muito orgulho para nós e de tranquilidade para os nossos beneficiários”, destaca o médico José Júlio Balducci, diretor de Recursos Próprios e Técnico do Hospital da Unimed Poços. “Somos o único hospital de Poços de Caldas a integrar a Rede Sentinela, que têm 25 hospitais em Minas Gerais e apenas três no Sul de Minas”.

 

Sobre a Rede Sentinela de Hospitais

A Rede Sentinela de Hospitais foi criada pela Anvisa, em 2004, e funciona como observatório nos serviços para o gerenciamento de riscos à saúde, atuando em conjunto com o Sistema Nacional de Vigilância Sanitária (SNVS). Os hospitais Sentinela acompanham o desempenho e eficácia de medicamentos, equipamentos, artigos de uso médico, sangue e seus derivados, possíveis efeitos adversos detectados, prejudiciais à saúde dos pacientes e/ou dos profissionais, e notifica-os à Anvisa.

Duas vezes por ano, os hospitais da Rede Sentinela são avaliados e recebem pontos de acordo com suas práticas de segurança do paciente, implantação de protocolos de segurança, notificações à Anvisa e participação em videoaulas da Rede Sentinela, entre outros itens.

Uma das apresentações para os hospitais da Rede Anvisa, por teleconferência


Ana Maria Vieira Luisi

Fonte: Unimed Poços