Voltar

HGU é destaque no Dia do Hospital

HGU é destaque no Dia do Hospital

Do atendimento aos beneficiários de outras Unimeds do país no estado, o hospital fica atrás apenas do Nossa Senhora das Graças, em Curitiba.

HGU é destaque no Dia do Hospital

Do atendimento aos beneficiários de outras Unimeds do país no estado, o hospital fica atrás apenas do Nossa Senhora das Graças, em Curitiba.

2 Julho 2020

 

O Hospital Geral Unimed é, atualmente, o segundo hospital de toda a rede credenciada do Sistema Unimed no Paraná que mais atende beneficiários de outras Unimeds do país, no chamado intercâmbio nacional. A instituição fica atrás somente do Hospital Nossa Senhora das Graças, em Curitiba.

Já em relação às Unimeds paranaenses, o HGU figura no ranking dos 10 hospitais do estado que mais prestam atendimento aos beneficiários Unimed. Ao considerar os serviços próprios do Sistema Unimed no estado, o HGU é o que conta com maior representatividade (cerca de 34% das cobranças são processados no hospital em Ponta Grossa).

No início da pandemia do novo coronavírus, o HGU foi um dos primeiros hospitais de Ponta Grossa a preparar estrutura exclusiva e específica para atendimento de sinais e sintomas gripais, casos suspeitos e confirmados da Covid-19.
 

 

HGU em números

Em uma estrutura que abriga aproximadamente 100 leitos, distribuídos entre unidades de enfermaria e UTI e também na Unidade Covid. Em períodos sem pandemia, o hospital chega a realizar mais de 7 mil atendimentos por mês no Unimed 24 Horas (unidade de pronto atendimento). Em 2019, o hospital registrou um total de 10.249 procedimentos cirúrgicos, uma média de mais de 800 cirurgias por mês.

De acordo com um levantamento feito pela cooperativa, o HGU representa cerca de 25% do número total de leitos dos 11 principais hospitais da rede credenciada da Unimed Ponta Grossa nos 16 municípios que compõem a área da ação da cooperativa nos Campos Gerais.

No relatório anual da Organização das Cooperativas do Paraná (Ocepar) de 2019, os dados demonstram que as cooperativas de saúde empregaram, aproximadamente, 6.500 funcionários em todo o estado. Desse total, a Unimed Ponta Grossa representa cerca de 13% desses empregos gerados, com grande parte dos trabalhadores atuando no hospital e recursos próprios relacionados a ele (70%). Hoje, a cooperativa médica conta com mais de 800 colaboradores.

Além dos mais de 70 mil clientes da própria cooperativa, o HGU também realiza atendimentos de uma estimativa de 30 mil vidas, que são clientes de outras Unimeds do país, mas que residem na região e utilizam os serviços próprios e a rede credenciada da Unimed local.

 

 

Utilização de inteligência artificial

O HGU foi pioneiro na utilização da inteligência artificial para mineração de processos em ambiente hospitalar na definição dos protocolos assistenciais do pronto atendimento, no fim de 2018.

Segundo o Núcleo de Inteligência e Informação em Saúde, da Federação das Unimeds do Paraná, “a utilização dessa tecnologia na linha de qualidade e melhoria dos processos assistenciais auxiliou na definição de protocolos e da análise de conformidade dos atendimentos, contribuindo para o modelo de atendimento baseado valor em saúde, com o foco na qualidade da assistência e eficiência”.

A instituição também foi a primeira no estado, dentre os serviços próprios do Sistema Unimed, a iniciar a implantação da metodologia Diagnosis-related group (DRG), em 2016, com o objetivo aprimorar a gestão de saúde baseada em valor para melhorar a qualidade assistencial e evitar desperdícios.

Atualmente, o HGU conta com um banco de dados com aproximadamente 33.226 altas analisadas por especialistas da área focados em entregar uma qualidade assistencial de excelência e transparência entre as partes envolvidas (paciente, profissionais, prestador e operadora). Do total de prontuário codificados pela metodologia, mais de 70% referem-se a casos cirúrgicos e cerca de 30% são clínicos. Desde a implantação efetiva do sistema, foi possível identificar a diminuição de 1% da taxa de mortalidade.

 

 

Certificação

Entre os hospitais próprios do Sistema Unimed no Paraná, o HGU foi o primeiro a conquistar a Acreditação pela Organização Nacional de Acreditação (ONA). Também o primeiro da região dos Campos Gerais a ter a certificação. Recentemente, tanto o HGU quanto a rede de Laboratórios Unimed foram indicados a manter a certificação ONA nível II, conquistada em 2019.

 

 

Dia do Hospital e história

O primeiro hospital do Brasil foi criado por Braz Cubas, em 1545.

Em 02 de julho, comemora-se o Dia do Hospital, por força do decreto do presidente Jânio Quadros, em 1961, e que faz referência à fundação da Associação Brasileira de Hospitais (ABH).

Antes do século XVIII, o hospital era um lugar onde morrer, que não tinha a função de tentar curar os doentes e que isolava indivíduos considerados perigosos para a saúde pública. Os profissionais eram religiosos e voluntários e os médicos faziam visitas eventualmente.

O estudo Cenários dos Hospitais no Brasil, publicado em 2019 pela Federação Brasileira de Hospitais (FBH), aponta que, em janeiro do ano passado, o Brasil possuía 4.267 hospitais privados, que somavam 260.695 leitos.

 

 


Liziana Freitas

Fonte: Unimed PG/HGU