Voltar

Semana da Enfermagem no HGU contou com programação especial

Semana da Enfermagem no HGU contou com programação especial

Além de ações de valorização dos profissionais, as áreas assistenciais também receberam a visita de Florence Nightingale.

Semana da Enfermagem no HGU contou com programação especial

Além de ações de valorização dos profissionais, as áreas assistenciais também receberam a visita de Florence Nightingale.

19 Maio 2021

 

Em 12 maio, comemora-se o Dia Internacional da Enfermagem e, para simbolizar o reconhecimento aos profissionais, o Hospital Geral Unimed (HGU) promoveu uma semana com atividades especiais, entre os dias 10 e 14.

A abertura da Semana de Enfermagem do hospital foi com a participação de voluntários Mãos Sem Fronteiras, que atuam com técnica terapêutica de estimulação neural em sessões de 15 minutos. A técnica contribui com a diminuição do estresse e da ansiedade.

Terapias integrativas também fizeram parte das atividades. Durante o intervalo do almoço, os colaboradores puderam usufruir de um momento de relaxamento com o Reiki, realizado pelo educador físico do SESMT, Cristiano Olegário. A meditação e a abstração da mente ficaram por conta da palestra “Conexão consigo mesmo”, com a facilitadora Rosilene Gomes.

A importância do cuidado com a saúde física foi reforçada com atividades como aulas de ginásticas, dança, pilates e alongamento, realizadas em parceria com a Academia Living.

Para a técnica de enfermagem Fernanda da Silva Martins, a comemoração de datas como essa são importantes, especialmente em contextos críticos como o atual. “Estamos em um momento muito difícil onde não temos oportunidade de sair ou se reunir. Passamos a maior parte da nossa vida em nosso trabalho cuidando dos familiares dos outros e precisamos também cuidar de nós mesmos”.

 

 

Visita de Florence Nightingale

O destaque da Semana de Enfermagem ficou por conta da visita de Florence Nightingale às diversas áreas do hospital.

A enfermeira Karine Dudkiewicz, coordenadora das unidades de terapia intensiva, se caracterizou como a enfermeira-símbolo da profissão, que foi uma reformista social britânica e fundadora da enfermagem moderna.

"Quando topei o desafio de 'incorporar' a Florence, fui atrás de todas as informações possíveis sobre ela para montar o quiz e descobri que existe até um asteroide com o nome dela. Foram dois dias sem parar visitando os setores para cobrir todos os turnos e foi muito bom, despertou a curiosidade de outras áreas, de médicos, aocmpanhantes de pacientes e muitos quiseram participar da ação também. Foi um vínculo muito gostoso de criar e estimulou também a curiosidade sobre a Florenca para essas pessoas", comenta Karine.

Durante a passagem pelas áreas da instituição e o encontro com as equipes, foram distribuídos brindes e feita uma dinâmica de perguntas e respostas, intitulada de Quiz da Florence. O objetivo foi relembrar a história da Enfermagem e trazer uma reflexão às equipes sobre a profissão ter sido fundada em tempos difíceis e superados por Florence, com práticas utilizadas até hoje.

“Neste momento, vivenciamos a exaustão e sofrimento emocional dos profissionais de saúde, que dobram turnos e trabalham incansavelmente no cuidado e assistência aos doentes, se dedicando em salvar vidas, então focamos na motivação, na luta diária dos colaboradores protagonistas do cuidado frente à pandemia, na gratidão, reconhecimento e carinho a todos os profissionais de enfermagem no HGU”, explica a enfermeira Laiza Moura, do Núcleo de Educação Permanente do HGU.

A técnica de enfermagem Aila Bezerra de Freitas deu um toque especial à visita da Florence na unidade de internação do 3º andar. Entusiasta do canto, ela aproveitou a oportunidade para dedicar uma música aos colegas. “Essas ações são importantes para que a gente se sinta importante e para saber que as pessoas pensam na gente. Nossa classe é muito criticada e cobrada e, muitas vezes, somos esquecidos. Essas homenagens fazem a gente refletir sobre quem somos como profissionais e pessoas”.  

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Liziana Freitas

Fonte: Unimed Ponta Grossa/HGU