Voltar

Saúde do homem é tema de palestra no Hospital Unimed

Saúde do homem é tema de palestra no Hospital Unimed

Saúde do homem é tema de palestra no Hospital Unimed

18 Novembro 2019

No Brasil há números que comprovam que, de modo geral, os homens cuidam menos de sua saúde do que as mulheres. No mês de novembro as orientações são voltadas à saúde do homem com a campanha Novembro Azul, que faz parte do calendário nacional e tem sido referência na missão de orientar a população masculina para cuidar melhor da saúde.

Com esse intuito, a Unimed Porto Velho promoveu aos cooperados e colaboradores, no dia 13, uma palestra sobre a saúde do homem, ministrada pelo médico urologista Cid Scarpa de Vasconcelos, no auditório do Hospital Unimed.

Hoje o Novembro Azul pode ser classificado como a maior campanha de combate ao câncer de próstata do Brasil, abordando principalmente a necessidade dos homens a partir dos 50 anos de idade (ou 45, se houver casos de câncer de próstata na família) procurarem um urologista anualmente para realizar os exames preventivos.

Estar desatento à saúde pode facilitar o aparecimento de doenças e complicações, algumas silenciosas e sem sintomas aparentes. Conforme o Instituto Nacional do Câncer (Inca), já está comprovado que algumas atitudes incorporadas ao dia-a-dia ajudam a reduzir o risco de diversas doenças crônicas não-transmissíveis como diabetes e as doenças cardiovasculares (hipertensão, derrame, infarto de miocárdio).

Confira galeria de imagens do evento.

 

Atitudes para aplicar a vida toda


Não fume e evite a exposição ao fumo passivo. Se você fuma ou usa outros produtos ligados ao tabaco, converse com seu médico para encontrar formas de parar com o hábito.

 

 
Mantenha uma dieta saudável. Escolha vegetais, frutas, grãos integrais, alimentos ricos em fibras e fontes magras de proteína, como peixes. Limite a  ingestão de alimentos ricos em gordura saturada e sódio, como as opções industrializadas.
 

 

 

Controle o peso corporal. Perder os quilos em excesso ou manter o peso adequado pode reduzir o risco de doenças crônicas não transmissíveis, como as cardíacas.

 

 

Exercite-se regularmente. Atividades físicas frequentes podem ajudar no controle do peso corporal, reduzindo o risco de desenvolver alguma doença cardíaca. Preze por atividades com as quais você se identifica, tais como tênis, corrida, futebol, etc.

 

Limite a ingestão de álcool. Consumir álcool acima do percentual considerado moderado pode elevar a pressão arterial e aumentar o risco de desenvolver câncer, como o de fígado. A Organização Mundial de Saúde (OMS) define como consumo moderado de álcool a ingestão diária de uma dose (10 a 15 gramas) para as mulheres e duas doses para os homens (de 20 a 30 gramas).

 

 

Gerencie o estresse. Se você se sentir constantemente sob pressão, seu sistema imunológico pode ficar debilitado. Coloque em prática medidas para reduzir o estresse ou aprenda a lidar com ele de forma saudável.