2º Unimed CONECTA mostra a força das empresas catarinenses

2º Unimed CONECTA mostra a força das empresas catarinenses

24 Maio 2021

Live teve mais de 5 mil inscritos e uniu a Unimed a lideranças empresariais da FIESC, WEG e JBS para mostrar as experiências inovadoras no enfrentamento da pandemia no estado

Diretoria da Federação Unimed SC coordenou o evento online: Alberto Gugelmin Neto (presidente),
Sérgio Malburg Filho (vice-presidente), Luiz Antônio Deczka (diretor de Administração e Finanças) e
Walter Ney Junqueira (diretor de Desenvolvimento) 

 

A Unimed SC mais uma vez enfrentou a pandemia com a união. Na noite de 20 de maio, integrou clientes, médicos cooperados, colaboradores, parceiros e comunidade numa live que apresentou experiências em “Crescimento e Inovação”. Mais de 5 mil pessoas se inscreveram no evento online, que teve a presença de convidados muito especiais, demonstrando a força das empresas catarinenses. Ao lado da diretoria da Federação Unimed SC, que coordenou a programação, estiveram José Eduardo Fiates, diretor de Inovação e Competitividade da Fiesc (Federação das Indústrias), Daniel Godinho, diretor de Relações Institucionais e Marketing da WEG, e Fernando Meller, diretor executivo de Gente e Gestão da JBS. Para encerrar a noite, o escritor e comunicador Marcos Piangers apresentou uma palestra repleta de informação sobre o presente e o futuro da inovação e da tecnologia, motivando e inspirando para a transformação. 

 

     

Lideranças empresariais presentaram as experiências de suas organizações durante a pandemia e o
escritor Marcos Piangers encerrou falando de inovação

 

O presidente da Unimed SC, Alberto Gugelmin Neto, destacou a importância do evento. “Somos uma cooperativa médica, que tem a saúde e a vida como missões. Precisamos estar integrados, mesmo que de forma virtual. Temos enfrentado a pandemia com muitas ações, na defesa de todos os que confiam a sua saúde à nossa cooperativa. Os desafios da Covid-19 são grandiosos, na mesma proporção do nosso empenho em atender as novas necessidades. Também temos a meta de integrar cada vez mais pessoas junto da nossa assistência à saúde, com produtos cada vez mais personalizados e projetos que realmente encantem os clientes”.

 

Alberto Gugelmin Neto: “Os desafios da Covid-19 são grandiosos, na mesma proporção do nosso
empenho em atender as novas necessidades”

 

Crises antecipam o futuro

 

“A pandemia demonstrou a importância das organizações, que não só se esforçaram para manter suas atividades como também contribuíram para amenizar os impactos da Covid-19, numa grande corrente para salvar vidas. Crises como essa antecipam o futuro, aceleram as mudanças e acentuam as prioridades. A Unimed SC está de parabéns por promover um evento que deixa tudo isso ainda mais claro, gerando a reflexão e provocando mudanças”.  

José Eduardo Fiates

Diretor de Inovação e Competitividade da Fiesc - Federação das Indústrias SC

 

“Inovação pode e deve ser planejada. Mais do que nunca a pandemia demonstrou como é importante se preparar para desafios e ter uma equipe pensando sempre em soluções. Na nossa empresa, a inovação é tarefa de todo dia, junto aos públicos internos e externos. Isso está fazendo a diferença nesse momento que vivemos”.

Fernando Meller

Diretor Executivo de Gente e Gestão da JBS

 

“Se há algum legado já identificado em meio à pandemia é a velocidade com que foram produzidas soluções, envolvendo ou não a tecnologia. O próprio Unimed CONECTA é a demonstração de que é preciso inovar, adaptar-se a cada situação, para poder continuar crescendo, gerando desenvolvimento e empregos, cuidando das pessoas que estão sob a nossa responsabilidade”.

Daniel Godinho

Diretor de Relações Institucionais e Marketing da WEG

 

“A tecnologia é imparável, cresce de maneira exponencial no mundo todo, gerando novos produtos, serviços e comportamentos. Isso não vai mudar. O que pode ser transformado é a nossa relação com ela. Com inteligência orgânica, precisamos entender que, agora, é o coração humano que nos diferencia das máquinas, e não mais o cérebro”.

Marcos Piangers

Escritor e Comunicador