Voltar

Auditoria recomenda manutenção da acreditação nível Ouro da Unimed São João del Rei

Auditoria recomenda manutenção da acreditação nível Ouro da Unimed São João del Rei

Apesar de a certificação não ser obrigatória, menos de 5% das operadoras de planos de saúde possuem o nível máximo de acreditação pela conformidade com a Resolução Normativa 277/2011

Auditoria recomenda manutenção da acreditação nível Ouro da Unimed São João del Rei

Apesar de a certificação não ser obrigatória, menos de 5% das operadoras de planos de saúde possuem o nível máximo de acreditação pela conformidade com a Resolução Normativa 277/2011

3 Março 2020

Das mais de 1.200 operadoras de planos de saúde atualmente ativas nos registros da Agência Nacional de Saúde, apenas 55 têm a certificação de cumprimento da RN 277/2011, em Nível 1 – Ouro. A Unimed São João del Rei figura, desde 2019, nesta seleta lista de instituições reconhecidas por cumprir a normativa que busca a excelência na prestação de serviços de saúde.

Mas, se essa conquista exigiu esforço da diretoria, cooperados, colaboradores e da rede prestadora de serviços, manter a qualidade que culminou no ouro foi um desafio porque exigiu antes, durante e depois da concessão, pensar, refletir e mudar para que o atendimento aos beneficiários da Cooperativa seja sempre o melhor. Tudo isso, baseado em uma gestão responsável e sustentável.

Desafios à parte, a Unimed São João del Rei se superou novamente e teve, neste ano, a recomendação da manutenção da concessão certificação da entidade acreditadora Isopoint, responsável por avaliar o cumprimento das sete dimensões que tratam a Resolução Normativa nº 277, através da auditoria realizada nos dias 17 e 18 de fevereiro.

Foram avaliados quesitos das dimensões: Programa de Melhoria da Qualidade; Dinâmica da Qualidade e Desempenho da Rede Prestadora; Sistemática de Gerenciamento das Ações dos Serviços de Saúde; Satisfação dos Beneficiários; Programas de Gerenciamento de Doenças e Promoção da Saúde; Estrutura e Operação; e Gestão.

 

Os auditores Marcus Vinícius de Oliveira e Sílvia Cristina Domingos de Oliveira, da Isopoint, anunciaram na reunião de fechamento a recomendação para manutenção da acreditação em Nível I - Ouro