Fundo de Investimento criado pela Unimed Sul Capixaba para construir hospital faz maior mobilização da história da cooperativa

A iniciativa pioneira e inovadora da cooperativa do Espírito Santo foi premiada no Simpósio Unimed 2018, na categoria Gestão Administrativa e Financeira.

Fundo de Investimento criado pela Unimed Sul Capixaba para construir hospital faz maior mobilização da história da cooperativa

A iniciativa pioneira e inovadora da cooperativa do Espírito Santo foi premiada no Simpósio Unimed 2018, na categoria Gestão Administrativa e Financeira.

24 Setembro 2018

Para viabilizar a construção da sua nova unidade hospitalar, a Unimed Sul Capixaba constituiu um Fundo de Investimento Imobiliário (FII), que resultou na maior mobilização de seus cooperados e parceiros ao longo de quase 30 anos da cooperativa. Primeira Singular do Sistema Unimed no Brasil a desenvolver este modelo como alternativa para ampliar a verticalização da sua infraestrutura, a cooperativa do Espírito Santo tem sido um exemplo bem-sucedido e uma referência para as demais singulares.

    Em agosto, a constituição do Fundo foi case premiado no Simpósio Unimed 2018, na categoria Gestão Administrativa e Financeira, sendo apresentado no Painel Experiência de Sucesso, espaço destinado a mostrar procedimentos bem-sucedidos adotados pelas singulares. O evento, realizado na capital Vitória, reuniu cerca de 800 líderes e executivos das cooperativas de trabalho médico do Espírito Santo e de Minas Gerais.

    O FII possibilitou a captação de recursos junto aos cooperados, o Sistema Unimed e investidores para financiar a obra do novo recurso próprio. Foram captados mais de R$ 61 milhões e o investimento total irá superar os R$ 72 milhões, somados os valores do terreno e o da construção da unidade hospitalar.

    O diretor-presidente da cooperativa, doutor Leandro Baptista, ressalta que o Fundo, além de ser uma forma de investimento e impulso econômico para região, é uma maneira de viabilizar o capital econômico para as melhorias hospitalares que a Unimed Sul Capixaba precisa. “O Fundo foi idealizado para que a cooperativa pudesse atender a demanda da região por um novo hospital, mas, ao mesmo tempo, seja um investimento para cooperados e para os integrantes do nosso Sistema, com rentabilidade e ganho de patrimônio”, explica.

 

Diálogo e transparência: a base

    O processo de construção do novo hospital da Unimed Sul Capixaba foi iniciado em 2011, quando foi aprovada em assembleia a compra do terreno. Desde então, foi iniciado um processo de diálogo e transparência com os cooperados para encontrar a melhor proposta para a construção da unidade hospitalar, garantindo a longevidade do negócio de forma segura, com benefícios para todos – cooperados, clientes e colaboradores.

   Todo o processo foi desenvolvido em etapas, que compreenderam a elaboração e aprovação do projeto executivo, a terraplanagem do terreno, o estudo de viabilidade econômica e, por fim, a constituição do Fundo de Investimento Imobiliário. Este último, aprovado por 94% dos votos dos presentes na assembleia realizada em 2016.

    Neste período, a cooperativa realizou uma série de eventos com os cooperados para apresentar os resultados de cada etapa, assim como os próximos passos a serem dados, além de ser um espaço de esclarecimento de dúvidas e apresentação de novas sugestões. Somente para a divulgação e comercialização do Fundo foram realizados 21 eventos, entre workshops e reuniões.

    “Esta participação direta dos cooperados em todas as etapas possibilitou que eles entendessem a importância de construir um novo hospital e tivessem segurança em aprovar um projeto tão grandioso e inovador. Como fomos caminhando juntos, a aprovação do Fundo foi resultado de todo o processo realizado durante os últimos anos”, frisa doutor Leandro Baptista, que na gestão anterior foi Diretor Financeiro da Unimed Sul Capixaba.

 

Projeto do novo hospital

    O projeto do novo hospital da Unimed Sul Capixaba foi desenvolvido a partir de um rigoroso estudo de viabilidade econômico-financeiro do empreendimento, realizado por consultores independentes e uma equipe de profissionais da operadora. Entre outros pontos, foi identificada a demanda reprimida e crescente na região Sul do Espírito Santo, que chega a 606 leitos hospitalares e 78 do tipo UTI (considerando o indicador de três leitos por 1.000 habitantes do Ministério da Saúde).

    A nova unidade, cujas obras iniciaram em julho último, tem previsão de ficar pronta em dois anos, possibilitará uma melhor gestão dos custos assistenciais e gerará mais oportunidades de trabalho para os médicos. O projeto do hospital é modular, começando com 128 leitos na primeira fase e chegando a 400 leitos na terceira. Terá, ainda na primeira fase, 11 salas cirúrgicas, 20 leitos de UTI, Serviço de Oncologia, Centro de Imagem com RM, TC, US, Endoscopia e Cardiologia.

    O hospital permitirá um aprimoramento na qualidade de atendimento e aumentará significativamente a capacidade da Unimed Sul Capixaba de absorver novos clientes e executar procedimentos de média e alta complexidades. 

 

A Unimed Sul Capixaba

     A Unimed Sul Capixaba completou 29 anos de atuação na saúde suplementar em 2018, tendo muitas conquistas, inovações e investimentos em prol da qualidade na assistência aos clientes. A operadora, que tem sede em Cachoeiro de Itapemirim, iniciou suas atividades em 1989, com 32 médicos cooperados. Hoje, conta com 436 médicos cooperados e 744 colaboradores, atendendo mais de 80 mil pessoas, em 30 municípios de sua abrangência, no Sul do Espírito Santo.