Voltar

ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE

ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE

Pacientes no centro do cuidado e especialistas integrados para a prática da medicina baseada em evidências

ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE

Pacientes no centro do cuidado e especialistas integrados para a prática da medicina baseada em evidências

24 Agosto 2018

Robert Janett, professor de medicina comunitária da Harvard Medical School, veio ao Brasil e palestrou para médicos cooperados da Unimed Uberaba sobre Atenção Primária à Saúde. O evento, também, reuniu outros especialistas do segmento, empresários e convidados. O novo modelo prevê uma organização de toda a atenção à saúde envolvendo o médico e uma equipe multiprofissional, que trabalham continuamente, e sistematicamente para atender às necessidades, integrando ações preventivas e curativas, oferecendo sustentabilidade com um modelo de atenção organizado, com estrutura para a medicina curativa e preventiva, conduzido por competências.  “Constitui uma forma diferente de cuidar. Mais atenção à manutenção da saúde, para minimizar, cada vez mais, a necessidade de tratar as doenças”. Destacou o Presidente da Unimed Uberaba, Doutor Vitor Maluf.

Durante a apresentação foram pensados modos de acesso, de primeiro contato com o sistema de saúde: acessibilidade e utilização do serviço como fonte de cuidado a cada novo problema ou novo episódio, de um mesmo desafio, com exceção das verdadeiras emergências e urgências médicas. Outro tema tratou a longitudinalidade: existência de uma fonte continuada de atenção, assim como sua utilização ao longo do tempo. “A relação entre a população e sua fonte de atenção deve se refletir em uma relação interpessoal intensa que expresse a confiança mútua entre os usuários e os profissionais de saúde”. Reforçou a Doutora Sônia Silva, Diretora de Recursos Próprios.


A Integralidade, com abrangência dos serviços disponíveis e prestados pelo serviço de atenção primária, também, esteve em pauta. O encontro destacou a coordenação da atenção: pressupõe alguma forma de continuidade, por parte do atendimento pelo mesmo profissional, por meio de prontuários médicos ou ambos, além do reconhecimento de problemas abordados em outros serviços e a integração desse cuidado no atendimento global do paciente. “O provedor de atenção primária deve ser capaz de integrar o que o paciente recebe por meio da coordenação do fluxo entre os diversos serviços de saúde”. Discursou o Diretor de Mercado, Doutor Luciano Luzes.

Toda a atenção feita por meio de profundo conhecimento, métodos e tecnologias viáveis e acessíveis. Um médico que vai conhecer as suas particularidades, suas rotinas de trabalho, questões próprias da família. O médico gerencia um conjunto de ações de proteção à saúde. Essa prevenção de agravos vem de diagnósticos e tratamentos conjuntos, zelando pela manutenção da qualidade de vida dos pacientes. “A inovação motiva a promoção da saúde com qualidade, a diminuição dos custos no sistema, a educação para evitar o uso indiscriminado de tecnologia, ganhando resolutividade. Ganha o paciente, ganha a sociedade. Esse conceito está no centro da proposta da Atenção Primária à Saúde”. Complementou o Presidente do Conselho Administrativo, Doutor Luciano Santiago.


A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) prevê a concessão, por intermédio de entidades acreditadoras independentes, de um selo de qualidade às operadoras de planos de saúde que cumprirem requisitos estabelecidos. O objetivo de instituir o selo APS é estimular a qualificação, o fortalecimento e a reorganização da atenção básica, por onde os pacientes devem ingressar no sistema de saúde. O projeto propõe, ainda, a implementação de modelos adequados de remuneração de prestadores, com foco no cuidado do paciente, e a adoção de indicadores para monitoramento dos resultados em saúde. O Prefeito Paulo Piau destacou a importância de novas práticas para a saúde. Acompanhado da Primeira Dama, Heloísa Piau, ele reforçou a importância dessa iniciativa. Para o gerente de Recursos Próprios da Unimed Uberaba, Renan Bonomo O Projeto APS pretende envolver a coordenação e a integração do cuidado em saúde centrado no paciente, incentivando o desenvolvimento de estratégias de cuidado integral. As equipes já estão em fase de formação para iniciar a primeira etapa da criação da Atenção Primária em Saúde na Unimed Uberaba.


 

Fabiana Silbor