Voltar

A história do cooperativismo

A história do cooperativismo

Documentário As Reduções Jesuíticas dos Guarani foi resultado de uma parceria entre o Sistema Ocergs-Sescoop/RS, Unimed Missões e Instituto Unicred

A história do cooperativismo

Documentário As Reduções Jesuíticas dos Guarani foi resultado de uma parceria entre o Sistema Ocergs-Sescoop/RS, Unimed Missões e Instituto Unicred

16 Janeiro 2020



No início de janeiro, foi lançado o documentário As Reduções Jesuíticas dos Guarani: uma Inspiração para o Modelo Cooperativo. O projeto teve como apoiadores o Sistema Ocergs-Sescoop/RS, a Unimed Missões e o Instituto Unicred Central RS. 

A produção, com 15 minutos de duração e que foi trabalhada ao longo dos últimos dois anos, traz informações importantes para o fortalecimento e reconhecimento do cooperativismo na região das Missões e relata através da história, da música e das imagens que na cultura Jesuítico-Guarani, nos séculos XVII e XVIII, já havia um princípio de cultura cooperativa. Esses fatos são apresentados por depoimentos de pessoas de reconhecido saber da cultura dos povoados missioneiros, como o professor Vergilio Perius, Artur Barcelos e Padre Artur Rambo.

O documentário revela o conhecimento sobre a cultura guarani e jesuíta e suas práticas cooperativas, fazendo uma ligação com a região e a forte identidade existente nestas comunidades. Este trabalho quer mostrar para o Brasil que as reduções jesuíticas do Estado do Rio Grande do Sul foram pioneiras na prática do cooperativismo, com suas origens na vida econômica das Missões.

As imagens foram produzidas nos sítios arqueológicos dos respectivos povoados, assim como a trilha sonora e as entrevistas reforçam o tema. Segundo Vitor Hugo Boff, “há muito tempo vínhamos pensando em trabalhar a questão da nossa história missioneira ligada à forma econômica de cooperativismo. Mesmo sabendo que em outros países como o Canadá, Alemanha e Inglaterra já se diziam pioneiros em cooperativismo, fomos buscar nos povoados missioneiros as origens desse sistema. Esses laços de identidade são muito fortes em nossa região. Eles lembram um passado glorioso e também trazem modelos de bravura e cooperação”.

O filme traz a canção América Chirua, com letra de Tadeu Martins e música de Igor Martins, que no documentário teve a interpretação de Erlon Péricles. O documentário servirá como material didático para as entidades apoiadoras do projeto e pode ser visualizado no endereço https://www.youtube.com/watch?v=W2qnjZTrlqk

Ficha técnica:

Coordenação e supervisão de Igor Martins e professora Claudete Boff;

Produção de Igor Martins e Antonio Raymundo;

Produção Executiva de Ana Pires Raymundo;

Direção e Roteiro Mirela Kruel;

Argumento Artur Barcellos.


Fonte: Sistema Ocergs-Sescoop/RS