Voltar

Famílias em risco social recebem cestas básicas e créditos no comércio local

Famílias em risco social recebem cestas básicas e créditos no comércio local

Ação do Instituto Unimed já beneficiou mais de 200 famílias na Grande Vitória

Famílias em risco social recebem cestas básicas e créditos no comércio local

Ação do Instituto Unimed já beneficiou mais de 200 famílias na Grande Vitória

9 Abril 2021

Com o agravamento da pandemia em todo o país, muitas famílias em situação de vulnerabilidade social se viram ainda mais necessitadas. De acordo com dados do IBGE, no final de 2020 o Brasil tinha mais de 13 milhões de pessoas na extrema pobreza - aquelas que vivem com até R$ 151 por mês-, e quase 52 milhões na pobreza - com renda de até R$ 436 por mês.

Para ajudar as famílias capixabas que também enfrentam dificuldades para levar alimentos para casa, o Instituto Unimed Vitória vem doando cestas básicas e créditos no comércio local para aqueles que mais precisam. Ao todo, mais de 200 famílias já foram beneficiadas.

“O momento é muito sério. Pessoas que normalmente não precisavam de ajuda agora precisam porque não podem exercer suas atividades. São os novos vulneráveis. Estamos fazendo a nossa parte para tentar amenizar as dificuldades dessas famílias”, afirma o diretor-presidente da Unimed Vitória, Fernando Ronchi.

Moeda digital

No Território do Bem, região de entorno do Hospital Unimed, 120 famílias receberam R$ 100 de créditos para uso no comércio local em parceria com a ONG Ateliê de Ideias. O crédito é realizado em uma moeda digital aceita no comércio da região e só pode ser utilizado para a compra de gêneros alimentícios.

Famílias de crianças e adolescentes dos projetos Esporte do Bem, Arremessando para o Futuro e Centro de Treinamento Vila Velha também receberam 42 cestas básicas, que foram doadas para o Instituto Viva Vida, parceiro do Instituto. Outros 50 kits foram destinados para a campanha “Vitória da Solidariedade”, da Prefeitura Municipal de Vitória (PMV), em parceria com a Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB).  Além disso, nos próximos dias também será feita uma doação para a campanha “SBC Solidária”, da Sociedade Brasileira de Cardiologia, que vai ajudar cerca de 100 famílias.

Ronchi salienta que todas as aquisições dos alimentos que compõem as cestas são realizadas em pequenos comércios nas comunidades, de forma a manter os recursos naquela região. Para saber como ajudar basta acessar o site: unimed.coop.br/web/instituto-unimed-vitoria/contribua.