https://www.unimed.coop.br/site/o/sites-theme/images/cards-noticias/capa_pagina.png

HUSD completa mil atendimentos na Unidade Respiratória

Texto: Unimed Catanduva
        07 de junho, 2021

O Hospital Unimed São Domingos (HUSD) completou nesta semana mil atendimentos a pacientes confirmados ou com suspeita de Covid-19 na unidade. Em agradecimento à equipe multidisciplinar da Unidade Respiratória, criada em março de 2020 para o enfrentamento da doença, o Comitê de Humanização realizou um café especial e a entrega de pão de mel aos profissionais durante os turnos das equipes.

A presidente do Comitê de Humanização, Ana Carolina Ferreira Fumagalli, enfatiza que o momento é de reconhecimento pelos serviços prestados pelos profissionais. “Essa ação é uma forma de agradecer a vocês por todo carinho e cuidado que oferecem aos pacientes durante o tratamento”, disse.

“É um desafio diário que estamos enfrentando”, é o que define o coordenador de enfermagem da Unidade Respiratória, Ozéias Ujack. Desde o início, ele acompanhou do primeiro ao milésimo paciente. “Cada pessoa tem a sua essência, sua história que nos envolve e nos colocamos no lugar dela. Continuem fazendo com amor ao próximo; não deixem essa chama se apagar”, completou.

O intensivista Emmanuel Ortiz Afonso, cooperado e membro do Conselho Técnico da Unimed Catanduva, reforça que o vírus não escolhe a quem infectar. “Com o avanço da vacinação, percebemos que o número de casos de internados com 70 anos ou mais caiu drasticamente. O cenário mudou radicalmente agora, com pessoas jovens, na faixa dos 20 a 30 anos, necessitando de internação e passando por complicações graves. Isso mostra que o vírus não tem distinção de sexo, raça ou idade, é realmente muito cruel para todos”, alertou.

Para os profissionais, o reconhecimento acalma e traz um pouco de alegria. Nesta sexta-feira, 4, 54 pacientes estavam internados na Unidade Respiratória. “É gratificante ver ações como essa. O Comitê está sempre nos proporcionando algo e vemos isso como reconhecimento do trabalho. Isso reflete no resultado, quando vemos os pacientes tendo alta e indo para casa bem”, disse a enfermeira Josiele Ramos Praisller. “Isso mostra que o nosso trabalho é reconhecido e nos dá esperança de que dias melhores virão”, disse a técnica de enfermagem Letícia Filipili, que presta assistência no Pronto Atendimento da Unidade Respiratória. “Ajuda a manter o clima mais leve”, completou o fisioterapeuta Thiago Alves Galli.

O que eles pedem:

Com os mil casos de Covid-19 atendidos no Hospital Unimed São Domingos, os profissionais fazem um apelo para toda a população:

“Evitem aglomeração, festas e reuniões. Fique em casa e usem máscara. Porque esse vírus está longe de ser controlado” – Emmanuel Ortiz Afonso, médico intensivista e médico na Unidade Respiratória;

“Cuidem de vocês e pensem no outro. Não deixem chegar na situação de não encontrar mais vagas nos hospitais. Não espere o pior para aprender.” – Letícia Filipili, técnica de enfermagem no Pronto Atendimento da Unidade Respiratória;

“Acreditem na doença, ela existe. Façam a prevenção, usem máscara e evitem aglomerações. Esse vírus não é criado pela mídia. Muitos só acreditam quando perdem alguém muito importante”. – Thiago Alves Galli, fisioterapeuta na Unidade Respiratória.