Voltar

Em AGO, Federação define retomada das reuniões itinerantes

Em AGO, Federação define retomada das reuniões itinerantes

A primeira itinerante deve acontecer em Corumbá, no mês de maio

Em AGO, Federação define retomada das reuniões itinerantes

A primeira itinerante deve acontecer em Corumbá, no mês de maio

5 Abril 2019

A Assembleia Geral Ordinária (AGO) da Federação das Unimeds de Mato Grosso do Sul, realizada no último sábado, deliberou a retomada das Reuniões Itinerantes, nas singulares do Estado.

Nestas reuniões, os técnicos devem discutir, em grupos separados por área, temas importantes para as singulares. A Câmara Técnica Estadual, com participação da Auditoria e Enfermagem, deve se reunir durante esses encontros. 

Entre os assuntos a serem debatidos estão o planejamento e estudo acerca de novas resoluções normativas da Agência Nacional de Saúde Suplementar, atualização das negociações nos Comitês de Materiais e Medicamentos – Mercosul, análise de novos produtos e serviços estaduais, dentre outros.

“A Federação tem um papel institucional a cumprir, mas ela pertence a todos. Por isso, a Diretoria Executiva propôs a realizações dessas reuniões itinerantes para que possamos estar cada vez mais perto das singulares e dos cooperados”, garante a presidente da Federação, Dra Sarita Rocha.

De acordo com o cronograma apresentado durante a AGO, a previsão é que a primeira reunião aconteça em Corumbá, no próximo mês de maio. 

“O cronograma das demais singulares ainda pode ser alterado, pois estamos levando em conta as necessidades de cada associada. Mas, nosso intuito é percorrer todas as singulares para levar os debates do Sistema Unimed e da saúde suplementar a todos”, explica Dra Sarita.

Seminário Técnico

A AGO deliberou, ainda, sobre a realização do Seminário Técnico Estadual, com data a ser estipulada nas próximas semanas. Entre os temas que devem ser discutidos no Encontro estão: cenário de mercado nacional, cenário de mercado estadual, judicialização na Saúde, planejamento junto às secretarias estaduais de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro) e Infraestrutura (Seinfra).

“Muitos investimentos devem aportar em Mato Grosso do Sul nos próximos anos e o Sistema Unimed deve estar preparado para oferecer toda sua expertise e fazer o que faz de melhor: cuidar de vidas”, pontuou a presidente da Federação.

Exercício 2018

A AGO aprovou também, por unanimidade, todas as contas e relatórios referentes ao exercício 2018. A presidente da Federação das Unimeds de MS destacou o envolvimento de todos que marcou o primeiro ano de mandato da atual Diretoria Executiva. 
“Temos nos empenhado para ter um pensamento coletivo. Sabemos que uma cooperativa forte tem cooperados fortes e esse é o nosso objetivo sempre”.