Notícias 

Veja abaixo as principais notícias e atualizações da Unimed Paranaguá.
https://www.unimed.coop.br/site/o/sites-theme/images/cards-noticias/noticias-padrao.png

Dia Mundial Sem Tabaco

No dia 31 de maio de 1987 a OMS criou o Dia Mundial Sem Tabaco para alertar sobre as doenças e mortes evitáveis relacionadas ao tabagismo. Segundo a Organização Mundial de Saúde, mais de 600 mil pessoas morrem por ano. Neste momento Saúde Unimed a Enfermeira da Saúde Corporativa da Unimed Paranaguá, Renata Trevisam, fala sobre o impacto da nicotina no organismo.
Texto: Comunicação e Marketing - Unimed Paranaguá
        31 de maio, 2021

O tabagismo é considerado uma doença?

Sim. O tabagismo é reconhecido, pela OMS, como uma doença crônica, causada pela dependência à nicotina presente nos produtos à base de tabaco, e é o maior fator de risco evitável de adoecimentos e mortes no mundo.

Quais são os tipos de fumantes?

Fumante ativo: faz uso regular e contínuo de cigarro, charuto, cachimbo. Fumante passivo:  é aquele que frequenta ambiente poluído com substâncias da fumaça do cigarro. Fumante ocasional: fumam em encontros com amigos e acreditam que não corre os riscos de um fumante ativo. Isso, além de não ser verdade, está criando um novo problema: o crescimento do número de pessoas que fumam, mesmo que seja uma quantidade menor de cigarros

Quais são as causas e consequências do tabagismo?

O tabaco causa diferentes tipos de inflamações e prejudica os mecanismos de defesa do organismo. Por esses motivos, os fumantes têm maior risco de infecção por vírus, bactérias e fungos. O uso do tabaco traz dependência, acelera a frequência cardíaca, leva a hipertensão arterial, e ao câncer. Pode causar envelhecimento precoce, pele seca, aparecimento de rugas, queda de cabelo e enfisema pulmonar

Fumantes estão no grupo de risco da covid-19?

Sim. Pois, torna os fumantes mais vulneráveis a infecção, por que o ato de fumar proporciona constante contato dos dedos com os lábios, aumentando a possibilidade de transmissão do vírus pela boca. O uso de produtos que envolvem compartilhamento de bocais para inalar a fumaça — como narguilé (cachimbo d´água) e dispositivos eletrônicos para fumar (cigarros eletrônicos e cigarros de tabaco aquecido), — pode facilitar a transmissão do coronavírus.

Quais dicas você deixa para as pessoas que desejam parar de fumar?

Para parar de fumar, antes de tudo, tenha paciência; distraia a vontade do uso do cigarro, ela dura até 10 minutos; aprenda técnicas de relaxamento; escove logo os dentes após se alimentar; cuidado com o álcool; se possível, vá a lugares fechados, pois nestes ambientes é proibido fumar.

Qual o melhor tratamento para parar de fumar?

Reposição de nicotina (adesivo, chiclete ou pastilha) e medicamentos sugeridos pelo seu médico. Nós da Unimed Paranaguá podemos te ajudar neste processo. Aqui, na Medicina Preventiva, possuímos o programa “Acenda esta ideia” para todos que desejam parar de fumar. Nosso programa conta com uma equipe multidisciplinar que visa o seu bem-estar e sua saúde. Entre em contato conosco no telefone (41) 3425-8111 para maiores informações.


Renata Trevisam é Enfermeira, Especialista em Saúde Coletiva e faz parte da Equipe de Medicina Preventiva da Unimed Paranaguá.

Assuntos em destaque