Voltar

Unimed Pato Branco, 30 anos de história em prol do cuidado com a saúde

Unimed Pato Branco, 30 anos de história em prol do cuidado com a saúde

Unimed Pato Branco, 30 anos de história em prol do cuidado com a saúde

9 Abril 2020

Neste ano, a Unimed Pato Branco completa 30 anos. Uma história que iniciou no dia 2 de abril de 1990, com a assembleia de fundação presidida pelo Dr. Ildefonso Amoedo Canto (in memoriam) e por 45 médicos, para congregar os serviços médicos e proporcionar condições melhores de trabalho. 
Conforme o Dr. Ildefonso, no início houve uma resistência muito grande por parte dos médicos, foi feito inclusive um abaixo-assinado, para que não acontecesse a implantação da Cooperativa, mas na oportunidade foi realizada uma mobilização nos hospitais Policlínica Pato Branco e São Lucas, que obteve o apoio de boa parte da classe médica, da época. 
A primeira gestão da Unimed Pato Branco, teve como presidente o Dr. Antonio Motizuki, que hoje ocupa novamente o cargo à frente da Cooperativa. Ele relata que se sente feliz ao ver, que 30 anos depois da sua primeira atuação na presidência, a partir da base que ele deixou, a Unimed Pato Branco cresceu e se sustentou, tornando-se uma cooperativa inovadora, com iniciativas reconhecidas nacionalmente. “Eu fico pensando na enorme responsabilidade que eu herdei agora, 30 anos depois. Porque a Unimed é uma marca nacional, é conhecida no Brasil inteiro, e é preciso dar uma sustentação a isso. Mas a minha tranquilidade é que se essa Cooperativa não tivesse sido bem estruturada, não tivesse sido bem administrada, ela não teria chego aos seus 30 anos de vida”.
Um dos marcos da primeira gestão, que durou de 1990 a 1994, foi a compra do terreno, onde 8 anos depois foi construído o prédio da sede administrativa. Também, foi nesta época, que firmou-se o primeiro contrato da Unimed Pato Branco, com a empresa Elia Lunardi e Cia Ltda, a Casa dos Retalhos, de Coronel Vivida. Bem como, um dos maiores contratos, existentes até hoje, com a empresa Parati, de São Lourenço do Oeste – SC.  
Em 1994, na gestão do Dr. César Augusto Macedo de Souza como presidente, o objetivo era iniciar a construção da sede. “No mandato do Dr. Motizuki, compramos o terreno, e depois, em 1994, a minha função era construir a sede, com apoio dos meus colegas Dr. Wittmann e Dr. Abrão”.
A sede foi concluída em 22 de junho de 1998, na gestão do Dr. José Alfredo Wittmann. “Depois de pronta, com certeza tudo facilitou e é uma das melhores sedes e mais práticas de todas as Unimeds do Paraná. Posso afirmar com toda a segurança, que o projeto foi muito bem elaborado, prático e não muito dispendioso”, destaca Dr. Wittmann.


Iniciam os trabalhos com a medicina preventiva 
Com a sede própria funcionando em 2001, na gestão do Dr. Angelo Wilson Vasco, a Unimed Pato Branco iniciou as primeiras ações voltadas para a medicina preventiva. O Dr. Roberto Yamada, que participou da coordenação dos trabalhos na época, lembra que por volta do ano 2000, a Federação Paraná iniciou as atividades do Grupo de Estudos e Medicina Preventiva – GEMP, levando a proposta para as singulares do Estado.

 
Inovação e tecnologia
Uma das características da Unimed Pato Branco sempre foi a busca pela inovação e o uso de novas tecnologias. E uma das iniciativas que marcaram a gestão do Dr. Vasco, foi a implantação do cartão magnético. Angelo Luiz De Bortoli, atual gerente de operações da Unimed Pato Branco, relata que foi contratado com a incumbência de implantar esta facilidade na Cooperativa. “Eu entrei na Unimed em fevereiro de 2001, como estagiário na área de TI. Na época, a empresa tinha poucos funcionários, eu fui o 17º, e entrei para fazer a instalação do sistema de cartões magnéticos. Foi o início da tecnologia do sistema Unimed, no Paraná”, conta. 


Valorização do médico cooperado 
Após os trabalhos voltados para os cuidados com os beneficiários, na gestão de 2004, que teve como presidente o Dr. Edson Fressato, o foco era beneficiar os cooperados. “Com o passar do tempo, nós conseguimos conquistar isso e eu diria que nessa gestão, de três anos, eu consideraria, talvez, o pacote de benefícios como uma grande conquista para o cooperado. O que vem a ser isso: é um pacote que atualmente contempla um seguro de vida, o SERIT – que é o Seguro (de Renda) por Incapacidade Temporária – e o pagamento do plano médico do cooperado pela cooperativa”, relata.


Ampliação dos trabalhos com a medicina preventiva 
Como toda empresa, a Unimed Pato Branco enfrentou períodos de turbulência. E um desses períodos foi em 2007, na gestão do Dr. Orlando Claudio Hecke, quando os índices de sinistralidade passaram a gerar preocupação. “Nós tivemos, naqueles anos, um índice de sinistralidade muito grande, a Cooperativa começou a dispender muito dinheiro para fazer a manutenção dos seus pacientes e dos seus contratos. Dentro dessa missão, da gestão absoluta, nós, a diretoria, fomos a todos os médicos cooperados, não só aqui de Pato Branco, e procuramos mostrar o que estava acontecendo, o aumento dos gastos e a necessidade de eles nos ajudarem”, relembra Hecke.
Sabendo dos problemas, a gestão que assumiu em 2010, conduzida pelo Dr. Francismar Porfírio da Silva, deu início aos programas de gerenciamento da saúde, visando trabalhar com a prevenção, e assim, diminuir a sinistralidade dos planos. E uma das iniciativas mais marcantes foi a inauguração do Centro de Atenção Integrada à Saúde e Medicina Preventiva – CAISMP, em 2012. “Nós alocamos uma unidade, inicialmente com o intuito de fazer medicina preventiva, com alguns programas específicos, todos com serviços próprios, e a necessidade levou a ampliar esse projeto, vindo a ter consultórios médicos. O projeto cresceu tanto, que se transformou no CAISMP, que hoje é o CAS (Centro de Atenção à Saúde)”, destaca Porfírio.
Nas gestões de 2013 a 2015 e 2016 a 2018, presididas pelo Dr. Edson Fressato, os trabalhos com a medicina preventiva continuaram. Neste período, a Unimed Pato Branco inaugurou, em 2016, o Centro de Atenção à Saúde – CAS, depois, em 2017, a Clínica de Vacinas Unimed. 
O CAS foi criado para ampliar as agendas de algumas especialidades médicas, como a pediatria, e se tornou um projeto muito mais completo, onde hoje são oferecidos atendimentos eletivos, com médicos clínicos gerais e especialistas, além de sessões de terapias com nutricionistas, psicólogos, fonoaudiólogos e terapeutas ocupacionais. É também no CAS, que são realizados os programas de gerenciamento da saúde, como o Programa Viver Mais Unimed, Oficina Mamãe Chef, Rodas de Conversa Infantil e Gestante, Curso de Gestante: mamãe, papai e bebê, Programa Despertar (antitabagismo), Programa Viver Mais Kids, Oficina de Tricô e Crochê, Programa de Gerenciamento de Crônicos – PGC e o Programa Viver Mais ao seu Lado. 
Um dos diferenciais do CAS é o atendimento no terceiro turno. Uma ideia inovadora, até mesmo para o Sistema Unimed, já que a Unimed Pato Branco foi a primeira a oferecer este tipo de atendimento. “O terceiro turno foi uma inovação de Pato Branco, com o atendimento feito das 18h às 22h, e que propicia às pessoas que não querem faltar no trabalho, que não podem faltar na aula e assim por diante, serem atendidas à noite”, enfatiza Fressato. 


Selo Ouro em Qualidade
Além do CAS, outro destaque desta gestão foi a participação da Unimed Pato Branco no Programa de Acreditação de Operadoras de Planos Privados de Assistência à Saúde, da Agência Nacional de Saúde Suplementar - ANS e a conquista do selo ouro em qualidade, em 2017. 
Gestão atual e o que esperar do futuro
A gestão atual, composta pelos diretores Dr. Antonio Motizuki (presidente), Dr. Ivaí Saião Aranha Azevedo (vice-presidente) e Dr. Mauro Schiffl Mattia (superintendente), assumiu em 2019, e vem realizando um trabalho que inclui ações inovadoras, voltadas para as áreas de mercado, compliance, assistência à saúde e valorização do cooperado. 
Com os trabalhos iniciados na área de mercado, por exemplo, a Unimed Pato Branco alcançou um dos melhores resultados do Estado, superando a meta de 6%, com um crescimento de 8,69%, que representa um saldo de 3.608 novas vidas. 
Na área administrativa e de gestão, os trabalhos estão voltados para uma nova governança, baseada no compliance. De acordo com o vice-presidente, Dr. Ivaí Saião Aranha Azevedo, o Brasil vive um momento onde muito tem se discutido sobre as questões éticas, não só na política, mas nas empresas. Por isso, a Unimed Pato Branco está investindo neste novo modelo de gestão. “Uma das nossas plataformas é a nova governança, baseada em um compliance, onde as empresas utilizam princípios éticos e isso é importante, não só na política, mas também nas empresas, na vida em particular. Está se falando muito sobre isso e a gente tem esse objetivo de implantar na nossa cooperativa essa nova governança”, explica.
Na área de gerenciamento da saúde, a Unimed Pato Branco, em breve, concluirá a abertura da sua própria clínica de oncologia, uma necessidade apontada na gestão anterior, e que foi reconhecida pela gestão atual, que nos próximos meses será colocada em prática. 
Outro foco dos trabalhos tem sido a valorização e a aproximação dos médicos cooperados. Este trabalho vem sendo feito com o incentivo à capacitação de novos médicos. “A nossa Unimed está completando 30 anos, ou seja, ela está chegando no período de maturidade e nós estamos buscando reinventá-la, oxigenar a gestão trazendo os cooperados mais jovens para dentro da Unimed e para o processo de gestão, capacitando-os, atraindo-os e envolvendo-os”, observa o superintendente, Dr. Mauro Schiffl Mattia. 
De acordo com o presidente Antonio Motizuki, um dos objetivos da sua gestão é fazer com que os cooperados realmente se sintam donos da Cooperativa, para que eles possam traçar o destino da Unimed Pato Branco. “Eu quero dar os parabéns a todos os ex-presidentes, e dizer que eu espero que os novos cooperados, realmente sentindo que são donos da Cooperativa, venham participar com ideias novas, com a agilidade que os jovens têm e com a facilidade da comunicação, é isso o que eu quero deixar, após estes três anos de mandato”, destacou.

 

Unimed Pato Branco em números
319 cooperados
47.427 mil beneficiários
9 hospitais credenciados
122 clínicas
25 laboratórios de análises clínicas 

 

Linha do tempo das diretorias que atuaram na Unimed Pato Branco

1990 

Presidente: Dr. Antonio Motizuki

Vice-presidente: Dr. Raul Juglair (in memoriam)

Superintendente: Dr. João Pimentel da Silva

 

1994

Presidente: Dr. César Augusto Macedo de Souza

Vice-presidente: Dr. Abrão Miguel Hay Neto

Superintendente: Dr. José Alfredo Wittmann

 

1998

Presidente: Dr. José Alfredo Wittmann

Vice-presidente: Dr. Angelo Wilson Vasco

Superintendente: Dr. César Augusto Macedo De Souza

 

2001

Presidente: Dr. Angelo Wilson Vasco

Vice-presidente: Dra. Deisi Vons Guérios

Superintendente: Dr. Edson Fressato

 

2004

Presidente: Dr. Edson Fressato

Vice-presidente: Dr. Orlando Claudio Hecke

Superintendente: Dra. Deisi Vons Guérios

 

2007

Presidente: Dr. Orlando Claudio Hecke

Vice-presidente: Dr. Francismar Porfírio Da Silva

Superintendente: Dr. Angelo Wilson Vasco

 

 2010

Presidente: Dr. Francismar Porfírio da Silva

Vice-presidente: Dr. Ildefonso Amoedo Canto (in memoriam)

Superintendente: Dr. Edson Fressato

 

2013

Presidente: Dr. Edson Fressato

Vice-presidente: Dr. Ildefonso Amoedo Canto

Superintendente: Dra. Deisi Vons Guerios

 

2016

Presidente: Dr. Edson Fressato

Vice-presidente: Dr. Ildefonso Amoedo Canto

Superintendente: Dra. Deisi Vons Guerios

 

2019

Presidente: Dr. Antonio Motizuki

Vice-presidente: Dr. IvaÍ Saião Aranha Azevedo

Superitendente: Dr. Mauro Schiffl Mattia  

 

Posse da segunda diretoria executiva, em 1994. Na foto, da direita para a esquerda, Dr. Delvino

Longhi, na época prefeito de Pato Branco, dr. Motizuki e a esposa Elvira, Dr. Cesar e sua esposa

Mariza, Dra. Marisa e Dr. Alan, na época, chefe da Regional de Saúde 

 

Médicos cooperados apreciam a inauguração da sede da Unimed Pato Branco, em 1998, durante a gestão do Dr. José Alfredo Wittmann 

Inauguração do prédio da Unimed Pato Branco em 22 de junho de 1998. (Arquivo Jornal Diário do Povo)

Dr. César Augusto Macedo de Souza, em frente a construção do prédio da Unimed Pato Branco

Diretores da gestão de 2007, Dr. Orlando Claudio Hecke (presidente – à direita), Dr. Francismar Porfírio da Silva (vice-presidente – à esquerda) e Dr. Angelo Wilson Vasco (superintendente)

Inauguração do Centro de Atenção Integrada à Saúde e Medicina Preventiva – CAISMP, em 2012, durante a gestão do Dr. Francismar Porfírio da Silva. Na foto o Dr. com os beneficiários do Programa Viver Mais Unimed

Inauguração do Centro de Atenção à Saúde – CAS, em 2016, durante a gestão do Dr. Edson Fressato 

Autoridades da Unimed Brasil, da Unimed Federação Paraná e Fundação Unimed durante o evento de inauguração do Centro de Atenção à Saúde (CAS), ao lado da diretoria executiva, em 2016

Comemoração dos diretores e colaboradores, pela conquista do Selo Ouro em Qualidade, em 2017, quando a Cooperativa foi acreditada pela ANS, pelo cumprimento da RN 277

Diretores da atual gestão, o presidente Dr. Antonio Motizuki (centro), o vice-presidente, Dr. IvaÍ Saião Aranha Azevedo (à esquerda) e o superintendente, Dr. Mauro Schiffl Mattia