Voltar

A Unimed RSG eleva sua pontuação ao máximo no IDSS

A Unimed RSG eleva sua pontuação ao máximo no IDSS

A Unimed RSG eleva sua pontuação ao máximo no IDSS

15 Abril 2020

Enquanto a sociedade vive um período de isolamento social e combate a Covid-19, surge uma boa notícia, que fortalece o compromisso da Unimed com seus clientes: a Unimed Regional Sul Goiás obteve nota máxima no Índice de Desempenho da Saúde Suplementar (IDSS), referente ao ano-base de 2018.

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) divulgou o resultado do IDSS de 2019 – ano-base 2018. A Unimed Regional Sul Goiás melhorou sua nota no Índice, estando posicionada na faixa mais alta.

O IDSS é um indicador composto que varia de zero a um, sendo a combinação de 32 indicadores que resultaram na conquista absoluta da Unimed, com: 0,6621 em Qualidade de Atenção à Saúde (IDQS); 0,4408 na Garantia de Acesso (IDGA); 1,0 em Sustentabilidade no Mercado (IDSM); e 1,0 em Gestão e Regulação (IDGR), além da bonificação em razão da acreditação Nível 1. Esse programa faz parte de um conjunto de iniciativas que tem como objetivo avaliar e estimular a qualidade do setor suplementar de saúde.

De acordo com os dados do IDSS, a quantidade de operadoras que participaram da pesquisa foi de 869. Destas, apenas 43 conseguiram pontuação máxima de 1,0, sendo 38 Cooperativas do Sistema Unimed. O crescimento da Unimed Regional Sul Goiás em relação ao ano anterior foi bastante significativo. A Cooperativa elevou sua pontuação em 29,03%, saindo de 0,775 para 1,0.

A Unimed Regional Sul Goiás foi a única operadora em seu porte com a nota máxima em todo Centro-Oeste brasileiro.