https://www.unimed.coop.br/site/o/sites-theme/images/cards-noticias/capa_pagina.png

Sistema Unimed lidera, mais uma vez, entre os melhores planos de saúde em índice da ANS

São 20 operadoras Unimed com nota máxima, de um total de 25, e 234 classificadas nas melhores faixas da avaliação oficial do setor, divulgada pela Agência Nacional de Saúde Suplementar
        02 de janeiro, 2024
São Paulo, 2 de janeiro de 2024. O Sistema Unimed confirma sua posição de liderança no setor de saúde suplementar conquistando novamente o topo do Índice de Desempenho da Saúde Suplementar (IDSS 2023, ano-base 2022). A avaliação oficial do setor de planos de saúde é realizada anualmente pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). Das 25 operadoras médico-hospitalares que obtiveram nota máxima no levantamento, 20 são Unimed. Com 234 operadoras classificadas nas duas melhores faixas de desempenho, incluindo a operadora de planos odontológicos Unimed Odonto e a operação de saúde da Seguros Unimed, as cooperativas médicas obtiveram nota ponderada de 0,8032, superando a média geral do setor de 0,7898. Os resultados completos estão disponíveis na página da ANS.

O índice avalia, de forma compulsória, as empresas atuantes no mercado por meio de 31 indicadores, divididos em quatro dimensões que abrangem toda a operação de planos de saúde. Esses parâmetros incluem qualidade em atenção à saúde, garantia de acesso, sustentabilidade no mercado e gestão de processos e regulação, além de um indicador bônus pela acreditação da operadora. As notas variam de zero até 1,00. O Sistema Unimed também se destaca no Programa de Acreditação de Operadoras, desenvolvido pela agência reguladora para fomentar a qualidade setorial. Das 20 operadoras com certificados de acreditação vigentes, 18 são Unimed.

“Um dos nossos maiores diferenciais é o fato de sermos cooperativas de saúde geridas sob a perspectiva do cuidado médico. Os resultados do IDSS deste ano, mais uma vez, evidenciam a abrangência e a relevância da Unimed em todo o país e o compromisso das nossas cooperativas e empresas em assegurar qualidade e segurança assistencial aos nossos 20,5 milhões de beneficiários de planos de saúde e odontológicos", destaca Omar Abujamra Junior, presidente da Unimed do Brasil, confederação nacional que representa o Sistema Unimed.

No relatório oficial da avaliação, a ANS destaca que “as modalidades que continuam apresentando um melhor IDSS, isto é, IDSS classificado na faixa avaliativa 1 (IDSS ≥ 0,8), continuam sendo as seguradoras especializadas em saúde [grupo com oito operadoras avaliadas, dentre as quais a seguradora do Sistema Unimed] e as cooperativas médicas”.

Além das cooperativas médicas liderando o índice, a Seguros Unimed conquistou o segundo lugar entre as seguradoras mais bem avaliadas, alcançando a nota 0,9238, enquanto a Unimed Odonto figura entre as três melhores operadoras odontológicas de grande porte, atingindo a pontuação de 0,8551.

Sobre o IDSS
De acordo com a ANS, para o Índice de Desempenho da Saúde Suplementar 2023, ano-base 2022, foram avaliadas 896 operadoras, sendo 670 médico-hospitalares e 226 odontológicas, tendo sido divulgados os resultados de 839 empresas. Desse total, 68,3% das operadoras se classificaram nas duas melhores faixas, com pontuações acima de 0,60. Esse grupo responde pela assistência de 90,9% dos beneficiários de planos de saúde no país. O índice é parte do programa para induzir a qualidade do setor e ampliar o acesso a informações por parte da sociedade. A divulgação periódica também permite aos beneficiários comparar o desempenho das operadoras, fortalecendo seu poder de escolha.

Sobre a Unimed
Em 56 anos de atuação, a Unimed se destaca na liderança do setor de saúde suplementar. A marca nasceu com a fundação da Unimed Santos (SP), em 1967, e hoje compõe um sistema de 340 cooperativas médicas e empresas, que estão presentes em nove de cada dez cidades brasileiras e atendem a 20,5 milhões de pessoas em planos de saúde e odontológicos. A Unimed reúne 118 mil médicos cooperados, gera 143 mil empregos diretos e dispõe da maior rede assistencial do país, formada por 157 hospitais e hospitais-dia próprios e cerca de 2,5 mil hospitais credenciados, além de unidades de pronto-atendimento, clínicas e laboratórios, entre outros serviços. Toda essa operação injeta, no sistema de saúde brasileiro, R$74,8 bilhões por ano.


Mais informações para a imprensa:
Hill + Knowlton Strategies
Assessoria de imprensa da Unimed do Brasil
unimed@hillandknowlton.com
 
Divulgação Health Week 2° Edição