Voltar

Costume nacional: conheça os benefícios do feijão

Costume nacional: conheça os benefícios do feijão

Rico em nutrientes, o feijão é presença confirmada no prato da maioria dos brasileiros

Costume nacional: conheça os benefícios do feijão

7 Julho 2022
Ele pode até não ser carnaval, mas é um símbolo nacional! Estamos falando do feijão, essa leguminosa tão presente na alimentação dos brasileiros. Com o arroz, ele forma uma dupla imbatível, mas sozinho também brilha e nos fornece uma grande variedade de nutrientes.

 

Feijão carioca

 

Pense aí, qual é o feijão mais consumido na sua região? Além de benefícios diferentes, ele também mostra toda sua versatilidade em tamanhos, cores, sabores e tempos de cozimento. Se você faz parte da maioria dos brasileiros que comem feijão todos os dias ou quer conhecer mais sobre a riqueza nutricional desse alimento, continue lendo.

 

Curiosidades sobre o feijão:

Benefícios

Tipos

Por que deixar o feijão de molho?
 

 

Benefícios do feijão

“Coma bastante feijão para crescer forte!” A frase dita durante a fase de crescimento das crianças faz muito sentido, já que o feijão tem uma vasta variedade de nutrientes. Ele oferece proteínas, fibras, cálcio, ferro, zinco, vitaminas do complexo B e a maioria dos aminoácidos essenciais.

E qual é o efeito dessas substâncias em nosso organismo? O feijão costuma causar saciedade, principalmente quando combinado com outros alimentos. Ele também atua no controle de absorção de gorduras, contribuindo para o equilíbrio do colesterol.

Além disso, o feijão age na saúde digestiva e no fortalecimento do sistema imunológico. Por seu baixo índice glicêmico, pesquisas também o apontam como aliado no combate ao diabetes. O feijão ainda é associado à diminuição de doenças cardíacas, por melhorar a circulação sanguínea.

 

Feijão carioca cozido

Porção 100 g

Valor energético

76,4 kcal=321

Carboidratos

13,6 g

Proteínas

4,8 g

Fibra alimentar

8,5 g

Cálcio

26,6 mg

Ferro

1,3 mg

Tabela nutricional feijão carioca
Fonte: TACO Tabela Brasileira de Composição de Alimentos.

 

 

Tipos de feijão

Feijão branco

No Brasil, existem cerca de 16 espécies diferentes da leguminosa, mas poucas delas fazem parte da nossa rotina alimentar. O feijão carioca, aquele de cor marrom, macio e que dá um bom caldo, é o mais consumido pelos brasileiros. Logo depois vem o feijão preto, clássico da feijoada e principal escolha de quem vive no Rio de Janeiro e na região Sul. Tanto com o carioca quanto com o preto, é possível fazer um delicioso caldinho de feijão. Confira outras variedades:

 

Feijão branco
muito usado no preparo de caldos e sopas, esse tipo de feijão é bastante popular entre os franceses. Por aqui, costuma acompanhar a dobradinha e é usado até em saladas.
 
Feijão azuki
esse tipo não é tão conhecido no Brasil, mas tem se popularizado pelo uso nas culinárias asiáticas, principalmente a japonesa. Ao contrário do nosso feijão salgado do dia a dia, o azuki é mais consumido em base e recheio para doces.
 
Feijão fradinho
se você já provou acarajé, saiba que o fradinho é responsável pela maciez da massa. Ao contrário dos outros feijões consumidos pelos brasileiros, ele não é indicado para caldos, por ser mais arenoso. Essa textura é ideal para hambúrgueres vegetarianos e outros bolinhos.

 

 

Por que deixar o feijão de molho?

 

É cientificamente comprovado que o feijão precisa ficar de molho na água entre 8 a 12 horas, e não apenas para cozinhar mais rápido. A técnica, na verdade, ajuda a eliminar os antinutrientes, substâncias encontradas em alguns alimentos que podem prejudicar a absorção de nutrientes e a digestão. Portanto, para não sentir aquela sensação de estômago estufado e para aproveitar todos os nutrientes do feijão, não dispense o remolho. Depois, é só descartar a água, lavar em água corrente novamente e levar para a panela de pressão!

 

Acompanhado ou sozinho, em qualquer região do país, o feijão cumpre um papel fundamental na mesa dos brasileiros. Se puder, experimente as variedades dessa leguminosa e não deixe de testar as receitas disponíveis em nosso site.

 

Continue lendo: Esqueceu de deixar o feijão de molho? A lentilha fica pronta em um instante!
Saiba mais sobre esse alimento
aqui

 

 

Fontes: TACO | Artigo - cultura do feijão e benefícios - capítulo 1

 


Agência Babushka | Edição e Revisão: Unimed do Brasil

Revisão técnica: equipe médica da Unimed do Brasil


Média (3 Votos)
Avaliar:

COMPARTILHAR:


 

Uma publicação compartilhada por Unimed (@unimedbr) em